Topo

Topo

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Com a greve bancária, o Sicoob apresenta as vantagens de ser cooperado


Entrevista CDL - Carmen Diniz

Com 25 anos atuando no mercado de Santa Cruz do Capibaribe e região, a empresária Carmen Diniz é uma dessas mulheres aguerridas. Com seu profissionalismo latente, a empreendedora atualmente está como coordenadora da Câmara Setorial de Varejistas de Vestuário e Acessórios da Moda, vinculada a CDL da cidade. A empresária nos concedeu uma entrevista sobre sua trajetória empreendedora. Confiram!

Fale um pouco do seu trabalho:
Carmen Diniz - Trabalho com a beleza, oferecendo produtos que torne as pessoas mais belas, quer seja em perfumaria e cosméticos ou em moda.

O que a fez ingressar nessa carreira?
Carmen Diniz - Gosto de empreender.

Há quanto tempo tem as empresas?
Carmen Diniz - Há 25 anos

Qual a importância da sua profissão para o engrandecimento de Santa Cruz do Capibaribe?
Carmen Diniz - Santa Cruz é uma cidade na qual tem o empreendedorismo na veia da população, é a economia principal da cidade.

Atualmente você está na diretoria dessa Câmara Setorial da CDL. Como tem sido feito seu trabalho nessa diretoria?
Carmen Diniz - A Câmara Setorial tem tentado mobilizar a classe, fazendo assim, um apelo para que todos os lojistas que atuem com varejo de vestuário ou acessórios de moda sintam-se convidados a se envolverem e contribuírem, participando de reuniões para que possamos discutir em conjunto os pontos de melhorias da categoria.

Como você analisa o trabalho de sua classe na cidade?
Carmen Diniz - Precisa se unir mais, para fortalecer o segmento no mercado local.

Quais os serviços ou produtos que você oferece enquanto empresária?
Carmen Diniz - O Boticário e moda Maison Carmen Neves.

Para finalizar faça o seu convite aos santa-cruzenses para os mesmos conhecerem a sua nova empresa.

Carmen Diniz - A vida é bela mais pode ser linda, venha tornar-se cada vez mais linda com os produtos o Boticário e Maison Carmen Neves.

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Curso de Desenvolvimento e Liderança será ofertado na CDL



Mini currículo do Consultor

Iniciou suas atividades como Consultor Empresarial em 2005 através da CTE Soluções Empresariais onde foi sócio durante 9 anos. Formado Bacharel em Administração de Empresas com foco em Gestão de Negócios, MBA em Gestão de Negócios, Formação para avaliação de perfil através de ferramenta DISC – Etalent, Coach pessoal e profissional. Exerce atividades nas áreas de Organização Sistemas & Métodos (OS&M), Certificação ISO, Gestão de Pessoas, Planejamento Empresarial e Gestão Estratégico. E desde abril de 2014 é Sócio Fundado da CONGRER.

Dia da Criança deve injetar R$ 7,3 bilhões no comércio nacional

Fonte: Agência Brasil

Pesquisa nacional, divulgada pela Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ) e Instituto Ipsos, revela que o Dia da Criança deve movimentar, em todo o país, cerca de R$ 7,3 bilhões, com gasto médio de R$ 118,87 por pessoa. Entre as mulheres, o gasto é menor, atingindo, em média, R$ 113,35, enquanto entre os homens esse valor sobe para R$ 125,37.

Cerca de 40% dos consumidores pretendem presentear no Dia da Criança, considerada a quarta maior data para o comércio, depois do Natal, Dia das Mães e Dia dos Namorados. A pesquisa foi efetuada entre 30 de julho e 9 de agosto, com 1.200 consumidores nas capitais Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Vitória, Florianópolis, Salvador e Recife e em mais 65 municípios brasileiros.

Brinquedos constituem a maioria dos presentes apontados por 59% dos consultados, seguidos por roupas (27%), calçados (7%) e bicicletas (3%).

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Comunicado Sindilojas - Feriado 29 de Setembro

O Sindicato das Empresas do Comércio de Bens e Serviços de Santa Cruz do Capibaribe (SINDILOJAS) informa a todos os empresários que, no dia 29 de setembro, quinta-feira da próxima semana, é feriado municipal, alusivo ao dia dos padroeiros de Santa Cruz do Capibaribe, São Miguel e Senhor Bom Jesus dos Aflitos.

O SINDILOJAS informa ainda que, caso o empresário deseje abrir a loja deverá fazer o acordo coletivo de trabalho. Basta se dirigir até a sede do SINDILOJAS, que funciona na CDL para solicitar autorização de funcionamento até terça-feira (27).


Para funcionar neste dia, o empresário precisa fazer solicitação junto ao SINDILOJAS, fazer o preenchimento do requerimento e pagar a taxa da contribuição sindical. Mais informações: (81) 3731-7162.

OBS: para quem já fez o depósito da contribuição sindical, deve enviar comprovante para o e-mail do Sindilojas: sindilojasscc@outlook.com

Comemoração do Dia do Contador



A ASCONT realizará no próximo dia 22 de setembro, jantar em comemoração ao Dia do Contador. Um evento com o objetivo de homenagear os profissionais contábeis da região.

Além da solenidade, o evento contará com música ao vivo e um grande show do Mágico Hugo Henrique, que já fez participação no programa "Caldeirão do Huck".

Um noite para celebrar! Participe!

Convenção coletiva de trabalho comércio e serviços - 2016/2017 foi homologada e já está validada

SINDICATO DAS EMPRESAS DO COMÉRCIO DE BENS E SERVIÇOS DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE - SINDILOJA, em conjunto com a CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS - CDL do município de SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE e a FECOMÉRCIO/PE, INFORMAM as empresas do COMÉRCIO DE BENS E SERVIÇOS estabelecidas no município de SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE, que foi celebrada com o SINDICATO DE EMPREGADOS NO COMÉRCIO DE BENS E SERVIÇOS DE TORITAMA, SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE E SURUBIM, CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO período 2016/2017, retroativa a 1º de MARÇO de 2016.

PRINCIPAIS ITENS NEGOCIADOS CCT 2015/2016:

  • DATA BASE: 1º de MARÇO de 2016
  • EXIGÊNCIA DE ACORDOS TRABALHISTAS PARA EMPRESAS FUNCIONAREM EM DOMINGOS E FERIADOS (esses acordos devem ser feitos junto ao Sindilojas)
  • PISO SALARIAL:
  • SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE E TORITAMA – R$ 930,00 (retroativo a 1º de MARÇO de 2016);
  • REAJUSTE SALARIAL: 11% (retroativo a 1º de MARÇO de 2016);
  • DIA DO COMERCIÁRIO SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE E TORITAMA: 3ª SEXTA FEIRA DE MARÇO DE 2017.

Para evitar excesso de despesas numa única folha salarial, foi convencionado que as diferenças decorrentes dos acréscimos oriundos deste instrumento jurídico previstos no parágrafo 5º da Convenção, no que se refere ao REAJUSTE SALARIAL com repercussão nos salários de MARÇO, ABRIL, MAIO, PODERÃO ser quitados até o prazo final para o pagamento da folha até AGOSTO. Já os meses de JUNHO, JULHO e AGOSTO de 2016, PODERÃO ser quitados até o prazo final para o pagamento da folha de NOVEMBRO de 2016. Os acréscimos oriundos deste instrumento jurídico previstos nesta CLÁUSULA no que se refere ao REAJUSTE SALARIAL com repercussão nos salários de AGOSTO, SETEMBRO, OUTUBRO e NOVEMBRO de 2016, PODERÃO ser quitados até o prazo final para pagamento da folha de DEZEMBRO de 2016.


Para quaisquer informações, ligue para o Sindilojas (81) 3731-7162, falar com Tais Cardoso ou Marcela Correira.

Leia aqui a convenção 2016/2017 na íntegra!

segunda-feira, 19 de setembro de 2016


Diáro Oficial publica resolução que altera o Simples Nacional

Fonte: Agência Brasil

Resolução publicada hoje (19) no Diário Oficial da União faz alterações no Simples Nacional. O novo texto consolida e organiza dispositivos relativos à composição e ao momento do reconhecimento da receita bruta para fins de tributação no Simples Nacional, informou a Receita Federal.

Pela norma, compõem a receita bruta, dentre outros fatos geradores, os royalties, aluguéis e demais receitas decorrentes de cessão de direito de uso ou gozo, bem como as verbas de patrocínio. Por outro lado, destaca a Receita Federal, não são componentes da receita bruta a remessa de mercadorias a título de bonificação, doação ou brinde (desde que seja incondicional e não haja contraprestação por parte do destinatário), a remessa de amostra grátis e os valores recebidos a título de multa ou indenização por rescisão contratual (desde que não corresponda à parte executada do contrato).

A resolução trata também das operações de troca, dispondo que os valores correspondentes compõem a receita bruta para todas as partes envolvidas, e determina que as receitas devem ser reconhecidas quando do faturamento, da entrega do bem ou do direito ou à proporção em que os serviços são efetivamente prestados, o que primeiro ocorrer.

Quanto às receitas auferidas por agências de turismo, corresponderá à comissão ou ao adicional percebido, quando houver somente a intermediação de serviços turísticos prestados por conta e em nome de terceiros, ou incluirá a totalidade dos valores auferidos, nos demais casos.

A resolução permite ainda, entre outras situações, que os estados exijam das empresas optantes pelo Simples Nacional informações relativas ao Fundo de Combate à Pobreza , acrescenta a Receita Federal.

O Simples Nacional é um regime tributário diferenciado, simplificado e favorecido previsto em lei aplicável às microempresas e às empresas de pequeno porte.

CDL promove curso de Desenvolvimento de Liderança


Consumidores das Classes D e E são maioria no Cadastro Positivo, revela levantamento do SPC Brasil

Fonte: Ascom SPC Brasil

Os brasileiros de menor poder aquisitivo, que não têm acesso a serviços financeiros e lidam com dificuldades para comprovar a renda e conseguir crédito na praça, representam a maciça maioria dos consumidores que aderiram voluntariamente ao ‘Cadastro Positivo’. Os dados são de um levantamento com detalhes inéditos e de abrangência nacional feito pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). Em cada dez consumidores atualmente inscritos no Cadastro Positivo, nove (85,75%) pertencem às classes D e E, sendo que mais da metade (54,10%) são da classe D e 32,65% da classe E. Os consumidores da classe C são 9,87% e os das classes A e B representam 1,38% do total de cadastrados.

“Ainda que o Cadastro Positivo não tenha se popularizado no Brasil, os dados mostram que os consumidores não-bancarizados e de classe social mais baixa são os mais receptivos e interessados em fazer parte da lista. O que atende aos objetivos da proposta, que é democratizar o crédito no país, tirando milhões de consumidores da invisibilidade financeira”, afirma o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior.

Em vigor desde agosto de 2013 após uma resolução do Banco Central, o Cadastro Positivo é um banco de dados que funciona de maneira inversa ao chamado ‘Cadastro Negativo’: em vez de catalogar o CPF de consumidores inadimplentes. Ou seja, daqueles que atrasaram suas contas, o ‘Cadastro Positivo’ lista o histórico de pagamentos feitos em dia pelos consumidores. A ideia é que o empresário que concede crédito possa conhecer melhor os hábitos de consumo do cliente para poder oferecer vantagens financeiras, como juros menores e melhores condições de pagamento. “O Cadastro Positivo poderá facilitar muito a vida do consumidor no momento da aquisição de um financiamento ou de um empréstimo, já que as informações positivas a seu respeito poderão ser utilizadas pelo mercado como ferramenta para análise e reconhecimento do bom pagador”, explica Pellizzaro Junior. O levantamento também revela que após aderirem ao Cadastro Positivo, as financeiras e os bancos (52,83%) foram onde os consumidores inscritos na ‘lista de bons pagadores’ mais buscaram crédito. Outros segmentos de destaque são estabelecimentos comerciais que vendem artigos e peças de vestuário (16,97%), comércio de calçados (16,44%) e empresas de telefonia (13,76%).

Consumidores entre 18 e 38 anos lideram ranking de adesões

Segundo o levantamento do SPC Brasil, a maior parte das pessoas que aderiram ao Cadastro Positivo é composta por consumidores recém-iniciados na fase adulta da vida ou em fase da maturidade profissional e com famílias já constituídas. Do total de inscritos, 44,37% têm entre 25 e 38 anos de idade. A segunda faixa etária de maior destaque são os consumidores com idade que vai de 39 a 45 anos (15,24%). Os mais jovens, compreendidos na faixa de 18 a 24 anos, representam 12,57% do total de aderentes.

Completam a lista os adultos de 46 a 52 anos (11,08%), de 53 a 59 anos (7,74%) e os idosos acima de 60 anos (6,94%). Já a participação por gênero mostra um cenário de equilibro: 47,04% são mulheres, ao passo que 50,97% são homens.

Outra constatação do levantamento é que são os brasileiros residentes da região Centro-Oeste os que mais se interessaram em participar do Cadastro Positivo: eles representam 47,68% da fatia total de aderentes. Em seguida aparecem as regiões Sul e Sudeste, que juntas agregam 27,83% dos consumidores e as regiões Norte e Nordeste, que também de forma associada somam 24,50% do total de brasileiros inscritos. Neste ano de 2016, as regiões Sul e Sudeste foram as que mais cresceram na quantidade de adesões se comparado ao ano passado: crescimento de 59,15% de um ano para o outro. Na região Centro-Oeste, a alta na quantidade de novos inscritos foi de 51,35% e nas regiões Norte e Nordeste, houve um aumento de 51,29%.

Sete em cada dez inscritos não têm contas em atraso

Embora liste apenas o histórico de pagamentos realizados em dia, não são somente os consumidores adimplentes que podem aderir ao Cadastro Positivo – quem está ou esteve com o nome negativado em virtude de qualquer atraso, também pode. De acordo com o levantamento, quase um quarto (24,14%) dos consumidores que se inscreveram no Cadastro Positivo está com restrições ao CPF. Por outro lado, sete (73,87%) em cada dez brasileiros que hoje constam no cadastro estão com todas as suas contas em dia. Desde 2013 tem havido uma redução da participação de inadimplentes dentre o total de consumidores inscritos no Cadastro Positivo. Em 2015, os adimplentes eram 66,12% e os inadimplentes eram 32,70%. Ou seja, houve um aumento de 7,75 pontos percentuais na proporção de adimplentes, enquanto na participação de inadimplentes inseridos na base do Cadastro Positivo, o recuo foi de 8,56 pontos percentuais.

“Com a lógica do Cadastro Positivo, mesmo que o consumidor tenha uma conta não paga, isso não é um impeditivo para ele continuar consumindo. Ao conhecer o histórico de outros compromissos financeiros quitados com tranquilidade, o empresário que concede crédito ainda assim pode enxergar neste consumidor um potencial cliente e não lhe negar o crédito, avaliando os riscos com mais assertividade do que simplesmente visualizar quais pendências ele tem”, explica Pellizzaro Junior.

Levando em consideração os consumidores aderentes ao Cadastro Positivo que estão com as contas atrasadas, as empresas que mais realizaram as negativações de CPF foram as de telefonia, internet e TV por assinatura (22,80%), comércio varejista especializado na venda de artigos e vestuários (11,35%), companhias distribuidoras de energia elétrica (10,08%), comércio varejista de calçados (6,91%) e lojas do ramo de eletrodomésticos (5,93%).

CDL Planeja ações para o fortalecimento na oferta de serviços educacionais em Santa Cruz do Capibaribe

O mercado de serviços em Santa Cruz do Capibaribe é vasto e segue uma tendência de comércio de grandes cidades. Um dos mais ofertados é o serviço de educação particular, onde inúmeras escolas oferecem desde a educação infantil ao ensino médio. Um serviço que precisa ser consolidado da melhor forma possível, pois se trata de formação do cidadão, tanto no campo pessoal como profissional.

Com uma visão futurista, a CDL da Capital das Confecções promoveu uma reunião com os dirigentes das escolas particulares, a fim de contribuir para o seu crescimento. A reunião contou com diretores e diretoras de várias instituições educacionais do município, onde todos expuseram suas demandas, que foram atentamente ouvidas pelo presidente da CDL, Valdir Oliveira, pela executiva, Katyane Amaral e pelos consultores Antônio Sérgio e Madellon Leite.



Esse primeiro momento serviu de base para entender os anseios dos gestores dessas escolas, a fim de que um plano de ação seja traçado e apresentado em breve. Muitas novidades positivas estão por vir!

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Convite para o Encerramento do EMP

Empresário Arnaldo Xavier apresenta o case de sucesso da Rota do Mar

A última palestra da noite ficou a cargo do empresário Arnaldo Xavier, que trouxe o “Case de sucesso da Rota do Mar”. O diretor-presidente falou sobre os 20 anos de trajetória de uma das mais bem-sucedidas empresas de confecções do Estado.


Arnaldo iniciou falando sobre sua infância, os valores familiares, o falecimento do seu pai Pedro Alves da Rocha, aos 32 anos de idade, e as grandes dificuldades que passou para ajudar a sustentar a sua mãe e seus cinco irmãos.

De vendedor de picolé, carregador de lavagem e fretista de carrinho de mão, Arnaldo Xavier contou como se tornou empresário, fundando a Rota do Mar, em 1996, e como a empresa se transformou numa das maiores do Brasil no segmento de surf e streetwear.

A primeira edição do Estilo Moda Pernambuco encerra-se nesta sexta-feira (16). Às 19h, haverá o corte de um bolo de 10 metros, simbolizando os 10 anos do Moda Center, ao som da Orquestra Musical Novo Século. Em seguida, haverá a apresentação da Orquestra Sanfônica de Oito Baixos e, às 21h, show com o cantor Flávio José.

Armazém da Criatividade foi apresentado na penúltima noite do EMP


O público que compareceu ao Moda Center Santa Cruz na noite desta quinta-feira (15) pôde conferir de perto o quanto a criatividade aliada a recursos tecnológicos específicos são importantes para o sucesso de uma empresa, ainda mais quando essa atua no segmento de moda.

Convidado para o EMP 2016, o Armazém da Criatividade – Porto Digital, unidade Caruaru, apresentou a sua estrutura especial de suporte à inovação e ao empreendedorismo e o quanto ela pode contribuir com o desenvolvimento dos pequenos e novos empreendimentos na região do polo de confecções.


“Além de cursos em diversas áreas, com subsídios de 80%, nós temos vários laboratórios para experimentação, voltados para a criação. Nós acreditamos que para inovar, fazer diferente, você tem que experimentar, você tem que testar, você tem que fazer coisas novas. Os confeccionistas da região já possuem uma boa competência técnica para a produção, e a gente chega como um braço para ajudar em vários aspectos, por exemplo, na parte de editorial de moda”, disse Ana Roberta Souto, superintendente de empreendedorismo do Armazém da Criatividade.


No EMP 2016 também foram lançadas duas startups incubadas no AC e que estão intimamente ligadas ao setor de confecções. A primeira foi o aplicativo Vende Moda, criado pelo desenvolvedor web Edrio Carvalho. Como o próprio nome sugere, o app é uma ferramenta de e-commerce para smartphones que se apresenta com alguns diferenciais frente aos aplicativos conhecidos no mercado. Segundo seu criador, além de rapidez, o Vende Moda possui uma melhor organização dos produtos e mais segurança para clientes e vendedores.


Já a segunda startup lançada no EMP foi a Phytoplankton - Estamparia Criativa, uma plataforma criada para oferecer variedade, rotatividade e rapidez na entrega de estampas digitais exclusivas para empresas de confecção e fabricantes têxteis. De acordo com a gestora de negócios Manoella Guennes, um grande diferencial da plataforma é agregar tecnologia e conveniência, com estampas de fornecedores de criação em nível global voltadas para vários segmentos, como masculino, feminino, infantil, camisaria, moda praia e fitness.


O Armazém da Criatividade também trouxe para o EMP 2016 a palestra “Criatividade e tecnologia afinados para um novo mercado de moda”, ministrada pelo estilista Frederico Ferrera, da Frederico F. Brand. Ele falou sobre como a tecnologia tem influenciado nas formas, cores e padrões de um novo design têxtil. Federico, que veio de São Paulo (SP) para o EMP, dá consultoria para várias marcas nacionais. Ele também ressaltou a importância da impressora 3D para a indústria têxtil e o quanto ela pode contribuir com a evolução da moda do Polo de Confecções de Pernambuco.

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

15 de setembro: Dia do Cliente


Confira a programação do EMP para esta quinta-feira (15)


Um show a parte: Alunos do EAB mostram como ser verdadeiros líderes


























O Educandário Antônio Burgos (EAB), participou nesta quarta-feira (14), do Estilo Moda Pernambuco, no Moda Center Santa Cruz, onde apresentou uma série de fatores pertinentes para se desenvolver um líder. Com a missão de educar para a vida, o EAB busca ofertar uma formação não apenas para a vida acadêmica do aluno, mas para que o mesmo também desenvolva habilidades profissionais, como é o caso da implantação do Projeto “Um líder em mim”, coordenador pela professora Maria Izabel.

O líder em mim é um projeto que leva os alunos a desenvolver autoconfiança e as habilidades de que necessitam para se saírem bem na sociedade e foi criado com base no livro “Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes”. Cada aluno apresentou um dos sete hábitos, onde implementam dentro da própria escola e, consequentemente em outros ambientes.


Um projeto fantástico, do ponto de vista educacional e crescimento para a vida desses alunos.

Faça seu certificado digital na CDL


Sabedoria popular e poesia de Bráulio Bessa encantam plateia do Estilo Moda Pernambuco


Ser um empreendedor de sucesso, virar case e ganhar fama sem perder os valores, as raízes, o foco. “Um jeito arretado de fazer negócios”, palestra realizada nesta quarta-feira (14), no Estilo Moda Pernambuco (EMP) pelo poeta e empreendedor social Bráulio Bessa, encantou a plateia do evento, formada por empresários, estudantes de Santa Cruz do Capibaribe e região, muitos fãs e seguidores. A abertura do terceiro dia do EMP contou com a participação das crianças do grupo “Líderes mirins de recepção”, do Educandário Antônio Burgos, que falaram sobre os sete hábitos das pessoas altamente eficazes, de Stephen Covey, exemplificando-os com atitudes que devem ser tomadas todos os dias.

Partindo dos sonhos que tinha quando era criança na cidade de Alto Santo, no interior do Ceará, Bessa transmitiu conceitos de postura e atitude empreendedora. Planejamento, dedicação, organização, determinação, criatividade, improviso, originalidade e senso de oportunidade e, principalmente, deixar o comodismo de lado foram algumas das atitudes citadas ao contar sua trajetória de vida até se tornar palestrante e, pouco tempo depois, ser convidado a fazer parte do elenco fixo do programa Encontro com Fátima Bernardes, com o quadro “Poesia com Rapadura”.




O primeiro grande desafio enfrentado por Bessa foi planejar o próprio casamento gastando apenas R$ 600,00. Com muita criatividade e colaboração de amigos e familiares, realizou uma cerimônia inesquecível e que mudaria a sua vida. Ao lado da esposa Camila, percebeu que não precisava de muito para dar vazão a outro grande sonho: popularizar a cultura nordestina. Envolvido com a cultura e poesia desde muito cedo, enfrentou o dilema entre continuar com o trabalho numa repartição pública ou levar o sonho adiante. Assim, com apoio da esposa, deixou o trabalho, passou a trabalhar como técnico de informática autônomo para poder ter tempo de investir na produção do conteúdo para a fan page do projeto Nação Nordestina. E deu certo.

Para ele, ter um sonho é o ponto de partida para o sucesso. “Um sonhador nunca é pobre. Não espere por ninguém. Construa seu sonho com o que você tiver, vá pra luta”, recomendou. Hoje, aos 31 anos, o filho e neto de costureiras faz palestras por todo o país compartilhando sua experiência de vida. Já falou para mais de 300 mil pessoas em congressos de várias categorias profissionais e, até mesmo para executivos do Facebook e participantes do TEDx.

Outra lição que aprendeu na prática ele fez questão de compartilhar com humildade com a plateia é sobre como conseguiu manter os mesmos valores e a simplicidade no seu dia a dia depois de ter ficado famoso. “Mesmo com a idade que tenho ainda sou um moleque e tenho muito o que aprender inclusive com vocês. Não estou aqui para ensinar ninguém, mas uma coisa a vida me mostrou: fama, dinheiro, status e poder não mudam ninguém. Só revelam o que a pessoa realmente é”, declarou.

Depois de aproveitar todas as oportunidades que surgiram em sua vida e de ter conseguido realizar vários sonhos, Bessa segue no sonho de dar mais visibilidade à cultura nordestina. Planeja lançar um livro com a coletânea de seus cordéis em 2017 e, em breve, começará a viajar pelo país com um espetáculo no qual continuará contando causos inspiradores.

Na abertura da palestra, o poeta Luciano Neves declamou o seu poema "Moda Center Santa Cruz" 

  
O EMP continua nesta quinta-feira (15). Às 19h, os participantes poderão assistir à palestra "Criatividade e tecnologia afinados para um novo mercado de moda. Como e quando o high tech se torna natural e como a tecnologia tem influenciado nas formas, cores e padrões de um novo design têxtil", com o estilista Frederico Ferrera, da Frederico F. Brand, de São Paulo, convidado pelo Armazém da Criatividade (AC), do Porto Digital. A superintendente de empreendedorismo da unidade, Ana Roberta Souto, apresentará o AC, que possui estruturas especiais de suporte à inovação na área de design e moda. Dois projetos incubados no Armazém da Criatividade, o Vende Moda - um aplicativo que pode ser usado para venda de produtos de moda por meio de dispositivos móveis - e a Phytoplankton Estamparia Criativa (plataforma que oferece variedade, rotatividade e rapidez na entrega de estampas digitais exclusivas para confecções e fabricantes têxteis) serão apresentados. Em seguida, o empresário Arnaldo Xavier, diretor presidente da Rota do Mar, vai falar sobre os 20 anos de trajetória da empresa, uma das mais bem-sucedidas do polo de confecções pernambucano.

Já na sexta-feira (16), último dia do Estilo Moda Pernambuco, além de um corte de bolo para celebrar os 10 anos do Moda Center, haverá um grande show com o cantor Flávio José. A abertura será da Orquestra Sanfônica de Oito Baixos. O encerramento ficará a cargo da banda Plano Base.