Topo

Topo

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Curso Gestão de Pessoas

A CDL Santa Cruz do Capibaribe está realizando, esta semana, mais um curso para melhoria dos serviços da cidade. Desta vez, é o curso de Gestão de Pessoas, ministrado pela Psicóloga organizacional Isnalva Paiva. O curso tem como público, empresários, administradores e funcionários em geral que lidam com gestão de pessoas. Isnalva aborda os seguintes temas no decorrer do curso:

- O cenário atual de mercado e o cenário das micro e pequenas empresas na captação de mão de obra;
- Como escolher sua equipe;
- O processo de recrutamento e seleção de pessoal;
- Entrevista de seleção;
- Processo de admissão e pré-admissão: treinamento e acompanhamento de pessoal;
- Avaliação de desempenho;
- Ética;
- Cargos e salários;
- Medicina e segurança do trabalho e retenção de pessoal


O público santacruzense tem aderido aos cursos promovidos pela entidade. O principal objetivo desses cursos é levar conhecimento a todos de forma igualitária e assim, por conseqüência, melhoria nos serviços prestados no comércio de Santa Cruz do Capibaribe.

Alta da Celpe pode elevar conta de água


Jc On line


Energia elétrica representa 30% do custo da Compesa e o aumento conseguido pela Celpe na Justiça, se confirmado, entrará no cálculo do reajuste da tarifa de água, que acontecerá no mês de setembro


Se a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) conseguir vencer a batalha judicial para manter o aumento médio de 6,45% na conta de luz, o consumidor poderá ver o reajuste respingar na fatura de água. Isso porque a energia elétrica representa 30% dos custos da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e esse aumento de despesa será computado pela estatal na hora de calcular o reajuste da tarifa, previsto para setembro. Preocupado com o impacto da liminar que permitiu à Celpe aumentar a tarifa, o governo do Estado vai entrar, na próxima semana, com um recurso no Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região, em Brasília, na tentativa de derrubar a decisão judicial.
O presidente da Compesa e coordenador da comissão estadual que acompanha o reajuste da energia elétrica, João Bosco de Almeida, explica que o aumento médio na conta de luz da companhia poderá ser de 10%. “Isso significa dizer que teríamos um aumento de custos da ordem de 3%, porque a energia representa um terço das nossas despesas”, observa. Com o reajuste, a fatura de energia da Compesa teria um acréscimo de R$ 1 milhão, passando de R$ 11 milhões para R$ 12 milhões por mês. Para se ter uma idéia, o valor da conta de luz é mais alto que o da folha de pagamento da companhia. Bosco também compara que, em cinco meses pagando o reajuste (o equivalente a R$ 5 milhões), a Compesa poderia construir uma estação de água capaz de abastecer uma cidade com 10 mil habitantes.
“Apesar da crise econômica, a receita da Compesa vem crescendo em média 15%. Se esse ritmo se mantiver, talvez a companhia possa absorver parte dos custos (inclusive o aumento da energia). Mas ainda não sabemos como vão se comportar os demais componentes de custo até setembro (mês do reajuste) para afirmar que a luz não vai pesar”, pondera. Ele recorda que no ano passado os produtos químicos (usados no tratamento da água) tiveram reajuste de 40% e a companhia também aumentou o gasto com pessoal, porque foi obrigada a contratar mil operadores.

Contra a crise, BC derruba os juros



Do JC online

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) anunciou ontem uma nova redução na taxa básica de juros. A Selic caiu de 11,25% ao ano para 10,25% ao ano, o menor patamar da história. Trata-se da terceira redução seguida da taxa básica, que estava em 13,75% ao ano no início de 2009. Em janeiro, o Copom reduziu a Selic para 12,75%, e em março para 11,25%.
Desde o final de 2003, no início do governo Lula, o BC não promovia uma sequência de cortes de juros dessa magnitude. Agora, os diretores do BC só voltam a se reunir nos dias 9 e 10 de junho, daqui a 45 dias, quando deve haver um novo corte. No mercado financeiro, as apostas eram de um corte de 1 ponto percentual. Desde a última reunião, o BC vem indicando que iria dar continuidade ao processo de redução da taxa Selic, devido ao agravamento da crise econômica.
De acordo com a pesquisa Focus, realizada pelo BC com o mercado financeiro, os economistas esperam agora mais dois cortes seguidos nos juros: para 9,50% em junho e 9,25% em julho. Depois disso, a taxa só voltaria a cair em 2010, para 9% ao ano.


RANKING MUNDIAL
Apesar do corte de ontem, o Brasil continua com uma das maiores taxas de juros do mundo. Em termos nominais, o Brasil fica atrás apenas dos juros na Venezuela (17,10%), Islândia (15,5%) e Rússia (12,5%). Em relação aos juros reais (descontada a inflação prevista para os próximos 12 meses), o Brasil perdeu a liderança com o novo corte. A taxa caiu para 5,8%, atrás da China (6,6%) e da Hungria (6,4%), segundo cálculos da consultoria Uptrend.
Nas grandes economias mundiais, a crise já derrubou os juros para patamares próximos de zero. É o caso dos EUA (entre 0,25% e 0%), União Européia (1,25%), Coréia (2%) e Austrália (3%).


PIB E INFLAÇÃO



As previsões de queda no Produto Interno Bruto (PIB) deste ano e a desaceleração da inflação são dois dos indicadores que abriram espaço para uma redução maior dos juros. O governo já revisou a previsão de crescimento da economia de 3,5% para 2% em 2009. O BC prevê uma expansão de apenas 1,2%, enquanto o mercado financeiro já vê uma taxa negativa de 0,39%.
A arrecadação federal caiu 6,6% no primeiro trimestre do ano, o que representou R$ 10 bilhões a menos nos cofres públicos – três meses da extinta CPMF. A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o índice oficial usado como meta pelo Banco Central, caiu de 0,55% em fevereiro para 0,20% em março. A meta para este ano é de 4,5%, mas o BC e o mercado financeiro já esperam uma taxa abaixo desse patamar, próxima de 4%.
O principal reflexo da taxa menor até agora é nos juros bancários. Segundo pesquisa do BC, a taxa média geral – pessoa física e jurídica em todas as modalidades – caiu em março pelo quarto mês seguido e está em 39,2% ao ano.

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Tá chegando o grande dia...

Haverá no dia 09 de maio, às 15hs da tarde, no Moda Center Santa Cruz, um sorteio beneficente em prol da Construção das Novas Instalações da Sede da AADESC, você que ainda não comprou procure um dos pontos de venda abaixo e junte-se a nós na construção deste sonho!

CDL – Santa Cruz do CapibaribeRua: Júlia Aragão, 249 – Novo. Santa Cruz do Capibaribe/PE.De segunda a sábado em horário comercial.

UNIPEÇAS (Márcia ou Alex Rocha)Rua: Graciliano Arruda, 73 – Centro. Santa Cruz do Capibaribe/PE. (Próximo ao Banco do Brasil)
De segunda a sábado em horário comercial.

AADESC (novo endereço por causa da ampliação da nova sede)Rua: Presidente Humberto Castelo Branco, 46 – Nova Santa Cruz.
Santa Cruz do Capibaribe/PE.
(Enfrente ao Consultório de Dr. Claúdia Aragão – Fisioterapeuta).

Confira os prêmios:

1ºPrêmio: Lote 8x20m no Loteamento Antônio Burgos (Santa Cruz do Capibaribe).

2º Prêmio: Máquina de Costura Overlock.

3º Prêmio: TV, DVD e um Micro System.

4º Prêmio: Fogão, Batedeira e uma Sanduicheira.

5º Prêmio: Tanquinho de Lavar Roupas, Ferro de Passar e um Liquidificador.
Junte-se a nós na construção deste sonho!

Sua Participação vai fazer a diferença!!!

Curiosidades sobre o imposto de renda


* Oficialmente, o Imposto de Renda foi instituído no Brasil através do artigo 31 da Lei nº 4.625, de 31 de dezembro de 1922, que orçou a Receita Geral da República dos Estados Unidos do Brasil para o exercício de 1923;

* No exercício de 1977, ano-baso de 1976, o contribuinte foi autorizado, por força do decreto nº 1.493, a abater da renda bruta as despesas com o pagamento de aluguel (até um limite). O abatimento vigorou até 1989. Mas até hoje é preciso declarar;

* O mascote do Imposto de Renda surgiu em 1979. No final daquele ano, a Receita encomendou uma campanha para divulgar o programa. Após analisar as propostas, o leão foi eleito como símbolo da ação fiscalizadora da Receita e, em especial, do Imposto de Renda;

* As reações não foram lá muito boas à figura do leão como mascote. Mesmo assim, a campanha foi lançada e o bicho pegou. Mesmo que, hoje, a Receita não use mais a figura do rei dos animais, o símbolo continua forte entre os contribuintes;

* A entrega do IR através da internet começou em 1997. Foi criado um programa específico, o Receitanet, para a transmissão;

* Desde o exercício de 1996, o último dia do mês de abril é a data final do prazo de envio da declaração sem pagamento de multa. Antes, havia prorrogação.

http://blogs.diariodepernambuco.com.br/economia

Oito em cada dez pessoas possuem celular no Brasil


Com um total de 153,67 milhões de assinantes de celular, o Brasil tem atualmente oito celulares para cada grupo de dez habitantes. De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), entre os meses de janeiro e março deste ano foram registradas mais de três milhões de novas habilitações, sendo que, no último mês, foram 1,3 milhão de novas assinaturas. Do total de assinantes do país, 81,61% têm contas pré-pagas e 18,39% são pós-pagas.

O número de telefones em serviço em cada grupo de 100 habitantes, chamado de teledensidade, alcançou o índice de 80,56, com um crescimento de 0,78% em relação a fevereiro. O Distrito Federal lidera a teledensidade móvel brasileira, com índice de 143,20 - ou seja, 1,43 telefone para cada habitante. Em segundo lugar aparece o Rio de Janeiro, com teledensidade de 98,33 e, em terceiro lugar, o Mato Grosso do Sul, com índice de 96,34.

Como no balanço anterior divulgado pela Anatel, a Vivo lidera o ranking da participação das empresas no mercado, com 29,7% dos acessos. Em seguida, aparecem as operadoras Claro, com 25,76%; Tim, com 23,5%; e Oi, com 16,8%. Também estão na lista as empresas Brasil Telecom GSM (3,87%), CTBC Celular (0,30%), Ser Comtel (0,06%) e Unicel (0,01%).

Fonte: Agência Brasil

terça-feira, 28 de abril de 2009

Destino Capibaribe

Sítio Passagem Molhada Limoeiro (ponte sobre o rio e criança se divertem tomando banho nas águas do Capibaribe)

A exposição da expedição

Poção, Brejo da Madre de Deus, Santa Cruz do Capibaribe, Toritama, Surubim, Passira, Limoeiro, Carpina, Paudalho, Camaragibe e Recife, estas são as cidades que o rio Capibaribe percorre para construir sua história.

Exposição de fotografias da jornalista e fotográfa Tuca Siqueira e de arte popular ribeirinha em 10 municípios da bacia do rio Capibaribe. Destino Capibaribe faz parte do acervo da Expedição Capibaribe: uma pesquisa cultural sobre as comunidades ribeirinhas realizada em 2007 a a partir de uma expediçao sociocultural e ambiental ao longo do rio.

A exposição que chegou em Santa Cruz do Capibaribe, ontem (27/04), permacerá na cidade até o dia 12 de maio, na Biblioteca Municipal, das 8h da manhã às 17h, podendo ser apreciada por toda a sociedade. Por lá, você encontra o professor Arnaldo Vitorino que irá apresentar aos visitantes um DVD chamado "Exposição Capibaribe" - imagens gravadas durante a expedição em 2007, como também, irá informá-lo sobre todas as fotos expostas.

De acordo com o professor a expedição tem a missão de conscientizar toda a população da importância que o rio tem. "Hoje, o comitê da bacia do rio Capiabribe é o mais atuante, pois através deste projeto de conscientização que recebeu o apoio do Governo do Estado e o incentivo da FUNCULTURA, que estamos desenvolvendo que aproximadamente daqui há 20 ou 25 anos teremos nosso rio de volta", ressalta o professor.

Ao final do projeto, tendo a exposição percorrido por todas as cidades por onde o rio atravessa, o caminho será feito de volta com a plantação de mais de 4.500 mudas de plantas, até chegar a nascente do rio no sítio Araçá, em Poção/PE.

Receita aguarda 210 mil declarações no Estado


Do JC online


Em Pernambuco, o Fisco espera total de 620 mil declarações, mas 34% ainda não foram entregues pelos contribuintes. O prazo para acertar as contas com o leão acaba na próxima quinta-feira



Na reta final da entrega da declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), cujo prazo acaba na próxima quinta-feira, quase oito milhões de brasileiros ainda não enviaram seus documentos à Receita Federal do Brasil (RFB). Em Pernambuco, onde estão sendo aguardadas pelo Fisco 620 mil declarações, restam 210 mil, algo em torno de 34% do total. Os retardatários não podem cochilar agora, afinal, a multa por atraso é de 1% ao mês ou fração de atraso, incidente sobre o imposto devido, ainda que integralmente pago, observados os valores mínimo de R$ 165,74 e máximo de 20% do total.
Quem geralmente deixa a entrega para os últimos dias, como lembrou o delegado-adjunto da RFB no Recife, Alexandre Rego, são as pessoas com imposto a pagar ou que não terão que arcar com algum valor e nem terão restituição. Ainda assim, os já tradicionais conselhos continuam a valer, especialmente aquele que alerta aos perigos da entrega no último dia do prazo, tais como congestionamentos no portal da Receita ou problemas técnicos nos computadores pessoais dos contribuintes.
“O fluxo de entrega está dentro da normalidade. E Pernambuco tem acompanhado o ritmo nacional. No Estado já foram entregues 66% das declarações, enquanto que no País foram 68%. No começo do prazo há um número maior de declarações enviadas, principalmente de quem vai receber a restituição. Depois ocorre uma freada no movimento, que intensifica nos últimos dias”, acrescentou Rego. Para quem deixou para última hora, deve-se verificar primeiro qual modelo é mais vantajoso (declaração simplificada ou modelo completo). Se a segunda opção for a escolhida, é hora de prestar atenção em alguns pontos do preenchimento para não receber a desagradável notícia de que caiu na malha fina.
Os maiores cuidados ainda são com a declaração das despesas dedutíveis: educação, dependentes, saúde, pensão alimentícia judicial e INSS, contribuição à Previdência Social e doações aos Fundos do Direito da Criança e Adolescente e incentivos à cultura. Exceto os gastos com saúde, todos os demais possuem limite de dedução. Despesas com educação (ensino infantil, fundamental, médio, superior, pós-graduação, mestrado, doutorado, ensino técnico e tecnológico), por exemplo, estão limitadas a abater R$ 2.592,29 por contribuinte. E o abatimento com dependentes está limitado a R$ 1.655,88 por pessoa.
Dúvidas de última hora podem ser solucionadas no site da Receita (www.receita.fazenda.gov.br), onde há uma seção destinada exclusivamente para perguntas e respostas. O contribuinte pode recorrer também ao serviço Receitafone, através do número 146.

Cadeia têxtil ganha fórum de discussão


Do JC on line


Os setores têxtil e de confecções em Pernambuco ganham reforço com a criação de um Fórum Estratégico de Competitividade, que reúne iniciativa privada, governo e academia, numa articulação entre 13 entidades. Ontem, no Diário Oficial do Estado, foi publicado o decreto que institui e regulamenta o Fórum. A ideia é propor políticas públicas que ajudem a criar um ambiente de negócios favorável para desenvolver as atividades.
O gerente-geral de projetos intersetoriais da Secretaria de Desenvolvimento de Pernambuco, Felipe Chaves, diz que uma das ações do Fórum será a elaboração de um Plano Estratégico, com horizonte de 2009 a 2013. “Nossa expectativa é que o trabalho seja concluído ainda no primeiro semestre para darmos início às ações”, adianta. O plano vai apontar estratégias para as áreas de infraestrutura, fiscal, capital humano, comercialização, crédito, meio ambiente e qualidade dos produtos.
Na avaliação do presidente do Sindicato da Indústria do Vestuário de Pernambuco (Sindivest), Fredi Maia, a articulação vai contribuir para facilitar o desenvolvimento do setor, que enfrenta problemas crônicos, como a informalidade, e gargalos históricos, como a falta de água e a insegurança nas estradas.
Os empresários dos setores têxtil e de confecções também estão preocupados com a comercialização dos produtos. Em março, o Sindivest realizou um projeto-piloto de road show, em Manaus, com apoio do Sebrae, para apresentar os produtos pernambucanos. “Nossa ideia é fazer mais seis ainda este ano e esperamos contar com o apoio do governo do Estado”, sentencia. A proposta é que cada road show conte com a participação de 30 empresas que, além de vender suas peças, têm a chance de conhecer o cliente de perto. O Fórum vai apoiar, ainda, o Colóquio da Moda - evento acadêmico itinerante de âmbito nacional, que vem rodando o Brasil e será realizado pela primeira vez no Recife.

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Mais uma...

A 2ª etapa do Circuito de Corridas da CAIXA que aconteceu este fim de semana em Mato Grosso do Sul, foi palco para mais um excelente resultado para o atleta santa-cruzense, Ezequiel José da Silva.
Ele faz parte da associação de atletismo "Os Feras", e pela 2º vez no Circuito consegue chegar na 1º colocação na categoria (30-34) e subir uma posição na colocação geral ficando com a 17ª posição.
Para este competição 3 mil atletas se inscreveram.
A próxima corrida será no dia 17 de maio, na cidade de Goiânia/GO.
Para conferir as fotos do evento e o resultado é só clicar no link abaixo:

Operação ambiental fiscaliza lavanderias industriais no Agreste






Doze lavanderias dos bairros do Salgado, Alto do Moura e Sítio Jucá, em Caruaru, no Agreste do Estado, foram inspecionadas em operação especial solicitada pelo Ministério Público Estadual. CPRH, Ibama, Cipoma, Vigilância Sanitária e Corpo de Bombeiros. Verificaram se as empresas estão cumprindo as orientações e os termos de ajustamento de conduta quanto ao tratamento físico-químico e à destinação correta dos efluentes produzidos por esses estabelecimentos. O objetivo é o de atualizar as informações sobre o segmento de lavanderias, tendo em vista a regularização de cadastros e licenciamento ambiental.
Durante a inspeção, foram encontrados problemas como apresentação de cadastro técnico federal irregular e uso de lenha nativa, como angico, baraúna e aroeira, e de lenha nativa misturada a espécies exóticas, como algaroba. Algumas lavanderias também informaram que aproveitam madeira de construção para alimentar caldeiras, mas a prática pode ser perigosa, pois a queima de madeira com tinta é prejudicial ao meio ambiente.
De acordo com a promotora Gilka Miranda, do Ministério Público em Caruaru, “estão sendo estudadas outras matrizes energéticas para as caldeiras, que não a lenha, já que este é um recurso que está em fase de esgotamento”. Ela informou que não existe o interesse em dilatar prazos ou licenciar novos projetos. “Todas as informações já foram fornecidas. Estamos apenas fazendo um acompanhamento do processo para atualização de dados”, acrescentou.
Na opinião do Ministério Público, a melhor solução para o impasse é a instalação de um polo industrial de lavanderias no município. Ao concentrar as empresas num mesmo espaço, esse polo facilitaria a fiscalização por parte dos órgãos competentes - CPRH, Ibama, Vigilância Sanitária. Além disso, possibilitaria um processo comum e, por isso, mais eficiente, de tratamento de efluentes.
Com a nomeação, pelo Governo do Estado, de novos servidores para a CPRH, uma unidade da companhia será instalada na cidade, com fiscais preparados para o acompanhamento do funcionamento das lavanderias e de seus sistemas de tratamento de efluentes e de filtragem do ar. O objetivo é preservar os recursos hídricos e a saúde da população.


Balanço - Nos dois dias de operação, cinco lavanderias foram autuadas. Até o final do mês de abril, a CPRH planeja fiscalizar 85 lavanderias em todo município de Caruaru.

domingo, 26 de abril de 2009

"Quem não é visto não é lembrado"



Essa máxima faz jus a Feira de Franchising do Nordeste – Feira de negócio e franquias que aconteceu nesse final de semana, de 23 a 25, no Centro de convenções em Olinda – PE. foram 160 empresas de Norte a Sul do Brasil que investem pesado em seu marketing, a fim de divulgar melhor e aderir cada dia mais franqueados e, consequentemente, mais clientes. Inúmeros folders são distribuídos aos passantes. Com uma abordagem sutil, os promotores levam o cliente até o quiosque e defendem sua empresa. São vários seguimentos, desde alimentos até alta tecnologia.
Para Mardey Cordier, relações públicas da empresa baiana QTZ Eyewear, seguimento de óculos esportivos há dois anos no mercado, é a primeira vez que participam de um evento desse porte, e tem como finalidade se mostrar ao público-alvo e potencial. “Os nosso valores são bem acessíveis e de boa produção. Temos óculos esportivos em distintos estilos e fabricados com alto padrão de qualidade. Agora, é só preciso aparecer para o mercado e nada melhor que uma feira como essa para expor nossa empresa”, concluiu.
As CDLs pelo Estado afora levaram seus associados para conhecer como funciona esse tipo de evento. A unidade Santa Cruz do Capibaribe, que a um mês criou a CDL Jovem, promoveu uma missão com os diretores e jovens empreendedores para a feira. Na comitiva estava toda a diretoria que já sinaliza que veio para ficar e continuar defendendo o bom funcionamento do mercado na cidade, com idéias inovadoras.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Aos Contadores - Parabéns!

Nada mais justo, que no dia deste profissional (25/04), reconhecer o seu devido valor, já que, esta classe tem por excelência cuidar da área financeira das empresas locais.
Aos contabilistas e estudantes da área, recebam da CDL - Santa Cruz do Capibaribe, respeito e admiração, por todos estes anos de dedicação e trabalho desenvolvidos com ética e profissionalismo.
E, que na pessoa do presidente da CDL - Fábio Lopes - todos os contadores do país, se sintam homenageados!
Parabéns Contabilistas...

Audiência repercute na imprensa da capital pernambucana

» Nem marola...
A comissão de deputados que acompanha os efeitos da crise foi a Stª Cruz do Capibaribe, ontem, vê os efeitos da marolinha por lá. E ouviu da CDL local que não é de agora que o comércio da cidade passa por dificuldades.

»...nem de agora
Segundo Bruno Bezerra (diretor de desenvolvimento da CDL), “há uma crise interna independentemente da mundial. Mas o bom dessa é que ela chama a atenção”. O pleito mais urgente do setor é uma linha de crédito específica.
JORNAL DO COMERCIO DE HOJE (24/04), COLUNA PINGA FOGO

Audiência Pública em Santa Cruz do Capibaribe movimenta a classe lojista

No início da tarde de ontem (23/04), no auditório da CDL – Santa Cruz do Capibaribe aconteceu uma Audiência Pública com a Comissão de Desenvolvimento Econômico da Assembléia Legislativa de Pernambuco, a qual teve como objetivo apresentar às autoridades presentes as dificuldades que estão sendo enfrentadas e quais as ações que podem ser desenvolvidas para minimizar a crise no pólo da Confecção do Agreste.

A Comissão de Desenvolvimento tem como presidente o deputado Pedro Eurico (PSDB), como vice-presidente, o deputado, Augusto César Filho (PTB), e como membros, as deputadas Miriam Lacerda (DEM), Terezinha Nunes (PSDB) e o deputado Edson Vieira (PSDC).

Durante o encontro o Diretor de Empreendedorismo da CDL, Bruno Bezerra, teve a oportunidade de fazer uma breve apresentação da atual situação que vive Santa Cruz do Capibaribe no contexto do pólo de confecções do agreste pernambucano.
"Nesse primeiro momento, podemos afirmar que a audiência pública foi bastante produtiva e oportuna. Contudo, é preciso acompanhar o processo iniciado na CDL, é preciso cobrar efetivamente as ações, é preciso cobrar atitude para fazer acontecer de fato as ações necessárias, não apenas para amenizar os efeitos da crise financeira mundial e da entressafra da confecção, mas também, as ações necessárias para fazer acontecer um real desenvolvimento em Santa Cruz do Capibaribe, que possa ser ao mesmo tempo gerador e distribuidor de riqueza e também, de qualidade de vida", ressalta, Bruno Bezerra.


Clique no link e confira os slides da apresentação:

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Programação da Semana do Contabilista 2009

Confira a programação para a Semana do Contabilista preparado pela ASCONT (Associação Santacruzense de Contabilistas) em parceria com a FADIRE (Faculdade de Desenvolvimento e Integração Regional):
Dia 20 (Segunda-feira)

Balcão de Informação Sobre Formalização de Empreses.
Presença de Contabilistas e Estudantes de Ciências Contábeis da FADIRE
Local: Santa Cruz Moda Center
Horário: a partir as 09:00 h

Dia 23 (Quinta-feira)

Palestra Contabilidade Ambiental: Caminhos Sustentáveis para os Desafios da Sociedade Moderna
Palestrante: Ademir Leão
Local: Auditório da FADIRE
Horário: 19:00 h

Dia 24 (Sexta-feira)

ASCONT SOCIAL
Local: Bairro Santo Agostinho – Posto de Atendimento do PSF
Horário: 08:00 ás 17:00 h

Serviços disponíveis:
Emissão de documentos (RG, CTPS, CPF, Cartão do SUS)
Corte de Cabelo
Atendimento Odontológico
Exames de lâmina, Glicemia, Mama, Verificação de pressão arterial, Teste Rápido (HIV)
Vacinação: Tétano, Difteria, Sarampo, Rubéola e Gripe (Acima de 60 anos)
Distribuição de Preservativos
Palestras sobre: Violência contra a mulher e Lei Maria da Penha; DST (Doenças Sexualmente Transmissíveis)

Dia 25 (Sábado)

ESPORTE E LAZER

Esportes: Futebol, Voleibol e Tênis de Mesa
Local: Campo Society da Via Onda
Horário: 07:00 ás 12:00 h

Dia 26 (Domingo)

Missa em Ação de Graças
Local: Igreja Matriz Nossa Senhora Aparecida
Horário: 7:00 h

Dia 30 (Quinta-feira)
Palestra sobre Nota Fiscal Eletrônica
Palestrante: Robson Soares – SEFAZ/PE
Local: Auditório da FADIRE
Horário: 18h às 22h
Informações: 3731.0220 (ASCONT)

Convite

A CDL Santa Cruz do Capibaribe convida a todos os seus associados para uma Audiência Pública com a Comissão de Desenvolvimento Econômico da Assembléia Legislativa de Pernambuco. A reunião acontecerá daqui a pouco, às 11 horas na sede da instituição e tem como tema a crise no mercado. Participarão do evento os deputados Edson Vieira, Pedro Eurico, Augusto César, Miriam Lacerda e Terezinha Nunes.
O objetivo dessa audiência é apresentar às autoridades presentes as dificuldades que estão sendo enfrentadas e quais as ações que podem ser desenvolvidas para minimizar a crise no pólo da Confecção do Agreste. Contamos com a presença de todos!

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Conheça a Associação de Atletismo “Os FERAS” de Santa Cruz do Capibaribe


Fundada há mais de 20 anos a entidade sem fins lucrativos, congrega atletas interessados na prática do pedrestianismo (corrida) e, apresenta as seguintes finalidades: praticar e incentivar o esporte na cidade e em outras localidades, orientar treinamentos para atletas que visam participar de competições nacionais e internacionais, incentivar a prática da corrida como atividade física benefíca para a saúde fisiológica e mental do indivíduo.

Hoje, a associação conta com a participação de 20 membros (sócios e diretores) os quais se encontram de terça a domingo, a partir das 5h da manhã, enfrente ao Mercadão (localizado a Av. Bela Vista) para realizarem seus treinamentos.


No próximo dia 1º de maio, “Os Feras” em parceria com a Secretaria de Cultura e Esportes do município realizarão a 1ª Corrida do Trabalhador. O percurso será de 8km para a prova masculina e de 4km para a feminina, tendo como ponto para largada e chegada a Escola Padre Zuzinha, a inscrição é gratuita e pode ser feita na Secretaria de Cultura e Esportes.
Para os participantes haverá entrega de medalhas e para os 10 primeiros colocados a premiação será em dinheiro (1º lugar R$ 300,00, 2º lugar R$ 200,00, 3º lugar R$ 150,00 e do 4º ao 10º colocação R$ 100,00).

Confira algumas das competições que a equipe já participou:

Ø Meia Maratona da Cidade de João Pessoa;
Ø Corrida Internacional de São Silvestre;
Ø Maratona Internacional da Cidade do Rio;
Ø Meia Maratona Internacional de Natal;
Ø Corrida da Indústrias em Maceió.




Para representar a associação no Circuito de Corridas da CAIXA foi enviado o atleta Ezequiel José da Silva, 30, que irá participar de 10 etapas neste circuito no período de 05/04 à 22/11/2009. A 1ª etapa foi em Ribeirão Preto (SP) na qual o esportista ficou em 18º geral e 1º lugar na categoria (faixa 30-34 anos). A 2ª etapa será dia 26/04 em Mato Grosso do Sul.

Informações sobre o Circuito da CAIXA você encontra no site: http://www.circuitocaixa.com.br/

Dia Mundial do Livro


*Por Bruno Bezerra

No dia 23 de abril de 1616 faleceram Cervantes, Shakespeare e o Inca Garcilaso de la Vega. Na mesma data nasceram - ou morreram - outros escritores eminentes como Maurice Druon, K. Laxness, Vladimir Nabokov, Josep Pla ou Manuel Mejía Vallejo.

Por este motivo, a data tão simbólica para a literatura universal foi escolhida pela Conferência Geral da
UNESCO para render uma homenagem mundial ao livro e a seus autores, e estimular a todos, em particular aos mais jovens, a descobrir o prazer da leitura e respeitar a valiosa contribuição dos criadores ao progresso social e à cultura. A idéia desta celebração partiu da Catalunha (Espanha), onde neste dia é tradição dar uma rosa ao comprador de um livro.

Para celebrarmos o Dia Mundial do Livro (dia 23 de abril) na internet, escrevi um poema, chamado Tributo ao Livro, que formou uma bela peça junto com a pintura da artista croata Andrea Petrlik. Isso é que é globalização, uma pintura de uma croata de Zagreb, com um poema de um brasileiro de Santa Cruz do Capibaribe, em Pernambuco.
Viva o livro! Viva a leitura nossa de cada dia!

Por uma boa causa...


A AADESC estará realizando um bingo beneficente emprol da construção da nova sede. O bingo se realizarápróximo dia 09 de maio, ás 15:00hs no ModaCenter Santa Cruz. Serão sorteados os seguintes prêmios: 1º LOTE8X20M LOT. ANTÔNIO BURGOS, 2º MÁQUINAS DE COSTURA OVERLOK,3º TV + DVD + MICRO SYSTEM, 4º FOGÃO + BATEDEIRA +SANDUICHEIRA e 5º TANQUINHO LAVA ROUPAS+ FERRO DE PASSAR+LIQUIDIFICADOR. Cartelas estão á venda no valor de R$10,00. na sede da CDL, sito na Rua Júlia Aragão,249,Bairro Novo ou em vendedores autorizados!

Redução do IPI já aquece o mercado


Do JC on line


Varejistas comemoram movimentação até 20% maior após concessão de benefício. Expectativa é que vendas continuem em alta até o Dia das Mães, comemorado no segundo domingo do mês de maio


O feriado próximo ao final de semana não foi suficiente para afastar os consumidores que quiseram aproveitar a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para trocar seus eletrodomésticos de linha branca (geladeiras, tanquinhos, máquinas de lavar e fogões). o Grupo Pão de Açúcar registrou crescimento de vendas de 20%, em comparação com o final de semana anterior, com destaque para os fogões. A rede Credimóveis Novolar informa que os primeiros clientes vieram para verificar os preços e que a redução ainda não trouxe as vendas na prática, mas vai trazer. “Acreditamos que os tanquinhos venderão muito porque ainda há muita dona de casa que lava a roupa na mão e o tanquinho é uma opção de entrada para máquina de lavar”, salientou o gerente de vendas da rede, Osvaldo Lima.
O governo federal anunciou, na sexta-feira passada, a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para os quatro eletrodomésticos da chamada linha branca. A medida reduziu a alíquota de geladeiras de 15% para 5%, de fogões de 5% para zero, de tanquinho de 10% para zero e também máquinas de lavar de até 20 quilos de 20% para 10%. O anúncio teve adesão imediata dos comerciantes, que já haviam comprado estoque por causa da proximidade do Dia das Mães, comemorado no segundo domingo de maio. A concorrência não deixou espaço para os empresários pensarem como iriam compensar o desconto, que na prática está sendo bancado por eles, neste primeiro momento, já que as encomendas foram pagas ainda sem o desconto do IPI.
“Trata-se de uma visão estratégica”, avalia Lima. “Nós sacrificamos a rentabilidade para ganhar no giro. Vamos ter a compensação”, comentou. Segundo ele, o consumidor ainda não teve tempo de reagir às modificações e, por enquanto, a chegada do consumidor nas lojas é apenas para olhar preços. “São bens de consumo duráveis. As pessoas não compram de uma hora para outra”, argumenta, lembrando que as vendas vão acontecer. A Credimóveis tem lojas em Pernambuco e na Paraíba.
As grandes redes foram as primeiras a sentir a melhora no movimento, registrando vendas acima da média, com tendência de manutenção do bom movimento. Nas lojas da rede Extra no Nordeste, os produtos que tiveram redução do IPI foram responsáveis por 70% das vendas de toda a categoria de eletrodomésticos neste final de semana. “A notícia sobre a redução do IPI levou mais clientes às nossas lojas. Com repasse integral do benefício, boas ofertas e promoções exclusivas, conseguimos, já neste final de semana, atingir elevação de vendas de dois dígitos. Devemos continuar com esse patamar nas próximas semanas, beneficiando um período importante para o varejo, que é o Dia das Mães”, declara Jorge Herzog, diretor-executivo do Grupo Pão de Açúcar.

terça-feira, 21 de abril de 2009

Pernambuco sedia feira de franquias


Do JC online


Evento, realizado no Centro de Convenções, reunirá cerca de 80 expositores regionais e nacionais de diversas redes. Expectativa é atrair público de 12 mil pessoas e movimentar cerca de R$ 5 milhões



Pernambuco vai sediar, de amanhã até sábado, a primeira feira de franquias do Norte e Nordeste, a Franchising Nordeste. O evento, que será realizado no Centro de Convenções, reunirá cerca de 80 expositores regionais e nacionais com atuação em várias áreas do setor de franquias. O horário de funcionamento da feira é das 15h às 22h. A organização do evento espera reunir um público de 12 mil pessoas nos quatro dias de feira e fechar negócios da ordem de R$ 5 milhões.
Em 2008, o setor de franquias faturou R$ 55 bilhões, o que significa um resultado 19,5% superior ao do ano anterior, de acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF). Os segmentos que apresentaram maior expansão foram acessórios pessoais e calçados (44,8%), serviços relacionados a veículos (31,7%), vestuário (27,2%) e esporte, saúde, beleza e lazer (25,8%). Só o segmento de limpeza e conservação apresentou queda no faturamento, com retração de 1,4%. Hoje, o Brasil contabiliza 1.379 redes de franquia, que geram 648 mil empregos diretos.
O Recife foi escolhido como local do evento por ser o maior pólo originário de franquias do Nordeste. Segundo o diretor-executivo da Associação Brasileira de Franchising (ABF), Ricardo Camargo, a capital pernambucana ocupa hoje o sétimo lugar no mercado nacional de marcas, reunindo 28 redes da região. “Hoje, a capital pernambucana ocupa o sétimo lugar no mercado nacional de marcas, reunindo 28 redes da região”, afirmou Ricardo Camargo.
Realizada pela Montte Empreendimentos, a Franchising Nordeste é patrocinada pelo Grupo Bonaparte e conta com o apoio da ABF, Aloshop-PE, Abrasel, Sindivest, HM Consultoria em Franquias e Francomp. Alguns dos expositores de destaque nessa primeira edição são Broomer, Cacau Show, CNA, Doctor Feet, Fábrica de Chocolate, Giraffa’s e Wizard.
Atenta ao potencial do mercado nordestino, a rede de idiomas CNA inclui a região nos seus planos de expansão para este ano, com perspectiva de abrir 40 novas unidades só no Nordeste. Durante a Franchising Nordeste, a rede vai apresentar aos empresários a opção de financiamento realizado pela própria rede para a abertura de novas unidades, com taxa de juros mais competitiva do que a oferecida pelo mercado, além do modelo de negócios Risco Zero, que garante ao investidor ter de volta todo o investimento na franquia, caso não obtenha lucro no período de 24 meses.
A feira também abre espaço para a realização de palestras. As discussões vão trazer temas como: ter uma franquia ou montar um negócio, desafios das franquias brasileiras, entre outros.

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Convite

Será esta semana o grande evento em Recife! E a CDL Santa Cruz do Capibaribe, convida você associado da entidade para a missão que irá representar a cidade na Feira Franchising Nordeste. A viagem e a entrada na feira será totalmente gratuito e a comitiva santacruzense sairá na próxima quinta-feira, 23/04 de frente a sede da CDL.


Ligue para: 3731-2850 e se cadastre para uma viagem de conhecimento e muita informação!


Tendência de Marketing



Por Daniel Portillo Serrano


A análise e acompanhamento de uma tendência de Marketing é o fator fundamental para determinar o sucesso ou fracasso de uma organização. A tendência, ao contrário de uma moda, é um processo contínuo que tem durabilidade.
Para Philip Kotler, "Tendência é uma direção ou seqüência de eventos que ocorre em algum momento e promete durabilidade" (Kotler, Philip 1998)
Um exemplo de tendência é a música no formato MP3. É inegável que o número de usuários está crescendo vertiginosamente. Dessa forma, as empresas que acompanharem essa tendência se darão melhor no mercado do que aquela que ainda acham que os CDs, na sua concepção atual ainda terão vida longa. Analisando essa tendência, então, vários segmentos poderão se adiantar aos seus concorrentes.
-Os fabricantes de Software lançando gravadores e reprodutores MP3;
-Os fabricantes de Hardware lançando processadores mais rápidos, placas de som mais precisas e HDs maiores para o armazenamento;
-Gravadoras lançando a Mídia em MP3;
-Provedores oferecendo as músicas neste formato, e,
milhares de outros exemplos
John Naisbitt, um especialista em tendências, divulgou no final dos anos 80 quais seriam as Mega-Tendências para a década de 90. Vejamos se este Guru estava certo ou não. No seu livro Megatrends 2000 ele identificou 10 tendências que governariam os anos 90:
1. O crescimento e consolidação da globalização da economia;
2. O Ressurgimento das Artes;
3. O aparecimento do Socialismo e do mercado livre;
4. A globalização do estilo de vida;
5. O crescimento dos países do Pacífico;
6. A privatização dos sistemas de saúde e previdência;
7. O Aumento de liderança do sexo feminino;
8. O aumento acentuado da área biológica;
9. A renovação religiosa;
10. A vitória do Indivíduo.
Não é necessário dizer, que, dependendo do ponto de vista, Naisbitt conseguiu prever as tendências para os dez anos seguintes (e muitas delas prevalecem até hoje). Empresas que se anteciparam e previram esse futuro, certamente se deram bem.
A análise de tendências pode se resumir ao mercado como um todo ou a partes dele. Assim, de acordo com o que se precisa, não há a necessidade de se fazer exercícios para tentar entender todas as tendências, mas apenas aquelas que influenciarão nosso negócio.

domingo, 19 de abril de 2009

Burocracia dificulta negócios no Brasil


Do JC on line


Burocracia excessiva, corrupção, atraso em investimentos em infra-estrutura e ineficiência da força de trabalho são alguns dos fatores que dificultam o ambiente de negócios no País, de acordo com o Relatório de Competitividade Brasil 2009 do Fórum Econômico Mundial. O documento foi lançado ontem, último dia da edição latino-americana do Fórum.
“Os fatores que geram mais problemas para o Brasil são históricos”, resume Carlos Arruda, professor de Inovação e Competitividade da Fundação Dom Cabral, instituição co-responsável pelo relatório. O País está em 64º lugar entre os 134 países que constam no ranking de competitividade global do Fórum de 2008-2009, o que revela uma piora em relação ao período 2005-2006, quando o Brasil ocupava o 59º lugar no índice.
Entre os chamados doze pilaresde competitividade, o pior desempenho é o da estabilidade macroeconômica (122ª posição no ranking mundial). O ambiente institucional também está entre as grandes desvantagens do País (91º lugar).
“Temos no Brasil uma história de instituições frágeis e uma tradição de clientelismo. Isso vem sendo superado, mas ainda estamos na adolescência, não somos confiáveis nem aos olhos externos nem sequer no nosso próprio julgamento”, avaliou Cláudia Costin, secretária de Educação no município do Rio de Janeiro.
O fortalecimento das instituições, segundo ela, é essencial para a promoção da competitividade. “Nesse sentido, é necessário enfrentar questões como desperdício de dinheiro público, corrupção, má gestão pública, falta de transparência na formulação de políticas públicas, falta de independência das agências reguladoras e baixa qualidade do ensino básico, com ênfase excessiva em humanidades em detrimento da formação técnica”, disse ela.

Estados também terão pacote de ajuda do governo



Do JC on line




Entre as medidas está o crédito de R$ 4 bi para obras de infraestrutura






O governador Eduardo Campos (PSB) disse ontem que o governo federal vai lançar um conjunto de medidas para minimizar os efeitos que a crise está trazendo para os Estados. Entre as medidas, será lançado um financiamento de R$ 4 bilhões, que vai disponibilizar recursos para os Estados investirem em obras de infraestrutura “e garantir o nível de investimento”. Os Estados estão vendo as suas receitas diminuírem com a crise devido à redução na arrecadação dos tributos federais, como Imposto sobre o Produto Industrializado (IPI), que abaixou os repasses do Fundo de Participação dos Estados (FPE).
O detalhamento de como será esse financiamento deve ser definido na próxima semana, segundo o governador. Ele acrescentou que os Estados a serem beneficiados são aqueles que estão obedecendo a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e que também podem aumentar o seu grau de endividamento. “Vamos observar as condições que serão detalhadas pela Fazenda”, respondeu Eduardo Campos, ao ser questionado se Pernambuco vai fazer algum financiamento dentro dessa linha que será lançada pelo governo federal. O conjunto de medidas para beneficiar os Estados foi um dos temas do encontro do governador com o presidente Lula, anteontem, em Brasília.
“Defendemos que deveriam ser acelerados os repasses do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (Fundeb)”, afirmou Eduardo. Pernambuco recebe, por ano, cerca de R$ 350 milhões do Fundeb. Mesmo com a crise e suas consequências, o governador afirmou que a economia de Pernambuco não cresce menos que 3% este ano. A opinião dele foi compartilhada, em parte, com o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Armando Monteiro Neto, que acredita num crescimento positivo para Pernambuco em 2009.
A crise na economia e as suas consequências para o Estado foram debatidas ontem na reunião do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social de Pernambuco (Cedes), que ocorreu no Recife Palace. Também esteve presente ao evento o ministro das Relações Institucionais, José Múcio Monteiro. Ele afirmou que as medidas para contemplar os Estados serão anunciadas num prazo de 15 dias.




ENERGIA




As árvores que estão sendo arrancadas nos locais onde vão passar os canais da Transposição de Águas do Rio São Francisco servirão, durante dois anos, para gerar energia nos fornos do pólo gesseiro do Araripe. “Quando visitamos as obras da transposição, pensamos o que seria feito com a madeira e sugerimos que poderia ir para o Araripe”, comentou o governador. A transposição vai levar a água do São Francisco para Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará.
“A transposição vai gerar um desmatamento numa área de 200 metros de largura por 600 quilômetros de comprimento. Achamos que essa é uma boa oportunidade para o pólo”, argumentou o presidente do Sindicato da Indústria do Gesso do Estado de Pernambuco (Sindusgesso), Josias Inojosa Filho, que também participou da reunião do Cedes.

sábado, 18 de abril de 2009

Governo envia ao Congresso projeto de socorro às prefeituras

O governo enviou nesta sexta-feira (17) ao Congresso Nacional o projeto de lei, que abre crédito suplementar de R$ 1 bilhão para compensar as perdas das prefeituras, com a queda nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).A mensagem foi assinada pelo vice-presidente José Alencar, que assumiu a Presidência da República, já que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva viajou para Trinidad e Tobago, onde participa da 5ª Cúpula das Américas. A mensagem com o projeto será publicada na edição extra do Diário Oficial da União de .Ao anunciar o socorro aos municípios, o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, informou que o governo editará também uma medida provisória, criando o auxílio financeiro e explicando como o dinheiro será usado. O líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR), disse que a medida deverá ser editada na quarta-feira (22).

Fonte: Agência Brasil

sexta-feira, 17 de abril de 2009

Bird ajuda a despoluir Capibaribe


Do Jc Online


Projeto, que exige consulta pública, prevê investimento de US$ 190 milhões. Reunião ocorre hoje, em Limoeiro, para apresentação dos impactos da obra



O dinheiro para a revitalizção da Bacia do Rio Capibaribe – US$ 190 milhões – está quase garantido pelo Banco Mundial (Bird). Falta agora a população opinar sobre as obras, que preveem o esgotamento sanitário de cinco dos 27 municípios cortados pelo curso d’água. A consulta pública, uma exigência do Bird para conceder o empréstimo, ocorre hoje, das 8h às 18h, em Limoeiro, a 90 quilômetros do Recife, com a presença de técnicos da instituição financeira. Durante a reunião será apresentado relatório de análise ambiental e social das obras.
O projeto foi elaborado pela Secretaria de Recursos Hídricos de Pernambuco, que negocia com o Bird desde julho do ano passado. São US$ 181 milhões para obras e ações de gestão da água e US$ 9 milhões para reserva técnica. Os US$ 181 serão destinados ao esgotamento sanitário dos cinco municípios (US$ 100 milhões), gestão (US$ 29 milhões) e redução de perdas (US$ 52 milhões).
O gerente-geral de Planejamento e de Gestão de Programas e Projetos da secretaria, Marcelo Asfora, adianta que os recursos destinados à gestão incluem a criação de uma agência estadual de recursos hídricos. Já as intervenções para redução das perdas se resume a melhorar a eficiência dos sistemas de abastecimento. Sobre os critérios de escolha dos cinco municípios, Asfora diz que atenderam ao grau de poluição e aos recursos já existentes para obras de esgotamento.
Os escolhidos foram Paudalho, Limoeiro, Salgadinho, Toritama e Vitória de Santo Antão. Segundo o gerente-geral da secretaria, os cinco contaminam com esgoto reservatórios utilizados no abastecimento da Região Metropolitana do Recife. “Não é que os outros 22 municípios cortados pelo rio não poluam o Capibaribe, mas esses cinco são os principais responsáveis pela sujeira em rios da bacia hidrográfica utilizados para a captação de água”, explica Asfora.
O esgoto de Toritama, no Agreste, atinge a barragem de Jucazinho, enquanto o de Paudalho, Limoeiro, Salgadinho e Vitória alcança o sistema de abastecimento de Tapacurá, que atende 40% da população do Grande Recife. “Estaremos, com o projeto, despoluindo o rio ao mesmo tempo que melhoramos a qualidade da água destinada ao abastecimento público”, explica.
A exclusão de Santa Cruz do Capibaribe, que também contribui para a sujeira de Jucazinho, exemplifica como foram aplicados os critérios de escolha dos municípios. “Santa Cruz também conta com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal, para o saneamento básico. Então, foi excluído do projeto para o Capibaribe.”
As obras devem ser licitadas entre setembro e outubro. A implantação da rede de coleta e tratamento de esgoto nos cinco municípios apenas deve ser iniciada em 2011. O primeiro a ser atendido, informa Marcelo Asfora, será Salgadinho. A contrapartida do governo estadual no projeto, que totaliza US$ 317 milhões, foram os US$ 127 milhões empregados no sistema Pirapama, em fase de conclusão, no Grande Recife.
Segundo o engenheiro civil, as obras para reduzir as perdas do sistema são necessárias para aumentar a eficiência do abastecimento, e evitar danos aos sistema quando Pirapama entrar em operação. “A pressão na rede vai aumentar, agravando as perdas”, prevê.

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Fadire oferece quatro cursos de pós-graduação


Continuam abertas as inscrições para as pós-graduações oferecidas pela Faculdade de Desenvolvimento e Integração Regional (Fadire), em Santa Cruz do Capibaribe. São quatro MBA's: Psicopedagogia, Gestão da Produção em Vestuário, Gestão Empresarial e Controladoria, e Mídia e Assessoria de Comunicação. Esta última será desenvolvida em parceria com a Faculdade Cesrei, de Campina Grande-PB e tem como objetivo formar especialistas capacitados na gestão de processos comunicacionais e midiáticos, oferecendo-lhes melhores condições de ingresso e atuação no competitivo mercado de trabalho.
Os cursos terão carga horária de 360 horas/aulas, com duração total de 18 meses. As aulas serão quinzenais. As inscrições custam R$ 50 e podem ser feitas na tesouraria da faculdade.
No ato da inscrição, serão exigidos requerimento de inscrição preenchido; curriculum vitae comprovado; fotocópia autenticada do diploma e do histórico escolar da graduação; duas fotografias 3x4 recentes; fotocópia da carteira de identidade e do CPF; comprovante de residência; comprovante de pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 50.
Outras informações no site http://www.fadire.edu.br/ ou pelos telefones (81) 3731-0300 e 3731-6181.

Fonte: Assessoria de Imprensa FADIRE

CDL JOVEM promove 1ª Assembléia Geral Ordinária

Participantes da 1ª assembléia





Marcada por muitas sugestões e com foco voltado principalmente para o comércio local que aconteceu na noite do dia (16/04) a 1ª Assembléia Geral Ordinária da CDL JOVEM de Santa Cruz do Capibaribe. No auditório da CDL o evento contou com a participação de aproximadamente 20 pessoas (diretoria, sócios) e uma em especial a de Bruno Bezerra (um dos coordenadores do PROJETO ACONTECER e Diretor de Empreendedorismo da CDL Sênior) que diante de suas experiências dentro da CDL Sênior e também, como empreendedor pode contribuir com esta primeira assembléia orientando e sugerindo ações para esta nova entidade que inicia seus projetos na cidade.

No encontro ficou definido algumas missões empresariais como uma visita ao Porto de Suape, a Feira de Franquias "FRANCHISING NORDESTE", uma missão cultural que será celebrada na Serra do Pará patrimônio cultural do município e, algumas ações a serem plenejadas na área ambiental, social e comercial.






quarta-feira, 15 de abril de 2009

Comércio eletrônico cresce 25% nos primeiros meses de 2009

Mesmo com a crise econômica mundial sendo um dos temas de destaque no mundo virtual e real, o comércio eletrônico vem crescendo acima da média nacional. No primeiro bimestre de 2009, o comércio na internet cresceu 25% em relação ao mesmo período do ano passado. Os dados são da consultoria e-bit.Segundo o Portal Empreendedor, muitos empresários têm visto no mundo virtual uma oportunidade de novos negócios e de expansão de seus empreendimentos reais. “O comércio eletrônico vem se consolidando como uma opção segura e mais barata para as pequenas empresas”, diz a diretora de marketing da Associação Comercial, Sandra Turchi, que fez a palestra de apresentação do seminário promovido pela Associação Comercial de São Paulo e a Câmara-e-net, que tem o patrocínio do Sebrae.
Para Edilson Flausino, consultor da câmara e-net, a participação das micro e pequenas empresas, que representam 99% dos empreendimentos formais do País, ainda são tímidas. “É um mercado em potencial e as micro e pequenas empresas não podem perder essa oportunidade.”
Atualmente há 60 mil lojas fazendo comércio eletrônico no Brasil. Os pequenos negócios respondem por apenas 20% do faturamento do e-commerce, enquanto os 80% restantes estão concentrados nas mãos das 20 maiores empresas.
Segundo Sandra, as vantagens são inúmeras no comércio eletrônico: não são necessários atendentes; funciona 24 horas, não há investimento em gôndolas, não há atendimento no balcão; há menos horários de pico.
Para entrar neste mundo virtual, no entanto, é preciso que o pequeno empresário esteja estabelecido como uma empresa. “Ele precisa abrir uma empresa no mundo real, fazer um plano de negócios, verificar como se comporta a concorrência. Ou seja, para vale a máxima do mundo real: planejamento”, diz Sandra.
Apesar de não ter os custos da abertura de uma loja tradicional, por outro lado o comércio eletrônico exige que o empresário invista de maneira bem expressiva em tecnologia.
Sandra diz que os sites atualmente são meros cartões de visita. “Na rede mundial de computadores, a empresa precisa ter presença digital. Isso significa interação com as redes social (Orkut, blogs), com os buscadores e outras alternativas de marketing na internet”.
Informações Blog Atitude Empreendedora

Cultura da terra


O filme Bacamarteiros do Ingá, produzido pelo jornalista local Gilberto Geraldo estará sendo exibido na TV Brasil, às 19:30hs, neste domingo, 19 de abril.
Não deixe de assistir!

CDL oferece cursos nas áreas de Gestão de Pessoas e Marketing

Para contribuir com o aperfeiçoamento dos empreendedores locais é que a CDL - Santa Cruz do Capibaribe oferece os Cursos voltados para os temas: "Gestão de Pessoas" e "Marketing Visual Aplicado ao Ponto de Venda". Confira o conteúdo programático dos cursos:


GESTÃO DE PESSOAS

Público Alvo:

Empresários e funcionários/gerentes com responsabilidade na gestão de pessoas.

Programação:

O cenário atual de mercado e o cenário das micro e pequenas empresas na captação de mão de obra;
Como escolher sua equipe;
O processo de recrutamento e seleção de pessoal;
Entrevista de seleção;
Processo de admissão e pré-admissão: treinamento e acompanhamento de pessoal;
Avaliação de desempenho;
Ética;
Cargos e salários;
Medicina e segurança do trabalho e retenção de pessoal

Facilitadora: Isnalva Paiva - Diretora da Vitor Hugo Consultores Associados, Psicóloga Organizacional, Pós-Graduada em Gestão Empresarial e Estratégia de Marketing Internacional.

Carga Horária: 15 horas
Período: 22 a 24.04.2009 Horário: 19:00 às 22:00
25.04.2009 Horário: 08:00 às 12:00
Investimento: R$ 50,00
Local: CDL – Santa Cruz do Capibaribe

Marketing visual aplicado ao ponto de venda

TEMA
Administração empresarial e Marketing.

PÚBLICO ALVO
Empresários diretores ou gerentes (decisores) de pequenos e médios negócios atuantes nos setores do comércio e serviços.

COMPETÊNCIA GERAL DO CURSO
Analisar o visual de loja, com base nos conceitos e nas técnicas, para melhorar a exposição dos seus produtos, tornando a empresa mais competitiva.
Reconhecer a importância do visual de loja como uma estratégia para a gestão de sua empresa.
Elaborar um plano de ação para melhorar o visual da loja visando o incremento de suas vendas.

Conteúdo Programático
Contexto do marketing visual no varejo
Organização do ponto de venda – ambiente externo.
Compondo vitrines atrativas
Cuidados com o ambiente interno
Fazendo acontecer às ações de marketing visual

RESULTADOS ESPERADOS
O empresário desenvolverá habilidades para melhor gerir o visual de sua loja, definindo ações para melhorar a exposição de produtos, a fachada, a vitrine, o interior da loja e sua iluminação.

Curso presencial com 20 horas/aula
Consultoria individual de 02 horas/empresa.

Carga Horária:
22 horas

Período: 04 a 08.05.2009 Horário: 18:00 às 22:00H.
Investimento: R$ 120,00
Local: CDL – Santa Cruz do Capibaribe

Você precisa agarrar esta chance e aprimorar seu aprendizado!

terça-feira, 14 de abril de 2009

INFORME

Feriado Nacional 21 de abril de 2009 e demais domingos e feriados do ano de 2009
Foi celebrada entre a FECOMÉRCIO/PE (Representante Patronal) conjuntamente com a CDL – SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE e a FECONESTE (Representante Obreiro) uma Convenção Coletiva de Trabalho Específica – Regulamentando o Funcionamento das Empresas do Comércio nos domingos e feriados (2009/2010), CCT este que estabelece as condições a seguir:
Do Funcionamento do Comércio no dia dia 21 de abril de abrial de 2009
1 – JORNADA DE TRABALHO
1.1 – A JORNADA DE TRABALHO DOS EMPREGADOS nas Empresas estabelecidas no município de SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE que vierem a funcionar no DIA 21 DE ABRIL DE 2009 terá o limite de até 08 horas diárias, não podendo ultrapassar 44 horas semanais.
2 – FOLGA COMPENSATÓRIA EM TROCA DO DIA 21 DE ABRIL DE 2009
2.1 – As EMPRESAS do Comércio estabelecidas no município de SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE QUE VENHAM A FUNCIONAR, com a utilização dos seus empregados, no DIA 21 DE ABRIL DE 2009, concederão aos mesmos, UMA (01) FOLGA COMPENSATÓRIA, garantida a folga semanal remunerada prevista na LEGISLAÇÃO PERTINENTE, folga esta a ser concedida no PRAZO MÁXIMO DE 30 (TRINTA) DIAS, a contar do dia 22 DE ABRIL DE 2009.
3 – DA AJUDA DE CUSTO
3.1 – Fica assegurado a TODOS OS EMPREGADOS que prestarem serviços no DIA 21 DE ABRIL DE 2009 a percepção gratuita do VALE-TRANSPORTE para ressarcir deslocamento naquela data e AJUDA DE CUSTO para lanche/alimentação no valor mínimo R$ 14,00 (QUATORZE REAIS).
4 - DA AUTORIZAÇÃO PARA FUNCIONAMENTO
As empresas do segmento do COMÉRCIO EM GERAL estabelecidas no município de SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE/PE que pretenderem funcionar no FERIADO do DIA 21 DE ABRIL DE 2009, deverão se manifestar por escrito à CDL – SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE aderindo às condições e deverão PREENCHER os seguintes PRÉ-REQUISITOS:
4.1. Comprovação junto à CDL – SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE do pagamento da CONTRIBUIÇÃO NEGOCIAL (CONVENÇÃO COLETIVA) e do IMPOSTO SINDICAL relativo aos anos 2009 e 2010 das entidades representantes das categorias Econômica (FECOMÉRCIO) e Profissional (FECONESTE), conforme estipulada na CCT.
4.2. Cumprida a etapa acima, a será expedida a AUTORIZAÇÃO DE FUNCIONAMENTO que ficará em poder da empresa beneficiada para hipótese de FISCALIZAÇÃO, como comprovação do cumprimento dos pré-requisitos estabelecidos na referida CCT.
Os interessados devem procurar a CDL - Santa Cruz do Capibaribe, ou ligar para o telefone 3731-2850.

Continuação - Artigo - Jussier Ramalho


O vendedor não tem que se preocupar apenas em vender, mas em servir o cliente.

Banca é ponto de encontro e de ensinamentos. A relação de Jussier com seus clientes começou em 1993, quando comprou fiado a Banca Prática, ao preço equivalente hoje a R$ 2,5 mil. O retrato hoje, da freqüência de pessoas é a reunião de velhos clientes às 16 horas, para bater papo, ler e ouvir música na Banca. Uma espécie de confraria para discutir assuntos os mais variados.
O primeiro convite para proferir uma palestra e contar sua história de vida surgiu de antigos clientes da Banca.
Em 2006 Jussier foi convidado por um clinete que era diretor de uma universidade para falar aos seus alunos sobre vendas, atendimento e empreendedorismo. A aceitação foi tamanha, lembra Jussier, que outras universidades e instituições passaram a lhe convidar. Como fez na Banca, Jussier começou a se profissionalizar, pesquisar e desenvolver material para as palestras. O resultado foi o crescimento do número de convites.
Jussier trabalha hoje, para empresas dentro e fora do Rio Grande do Norte, percorre todo o Brasil mostrando a universitário e empresários como se faz para veder-se como um produto. Usa power point, exercícios práticos de vendas, gestão e negócios, motivacionais e de dinâmica de grupo.
Atitudes singelas como distribuir mil rosas durante o dia das mães também ajudam a conquistar a simpatia do cliente. ‘‘São iniciativas criativas que levam alegria aos clientes. A venda não termina quando o cliente sai da Banca. Ali é o início de um relacionamento de mercado ou mesmo de amizade. Não fecho vendas. Eu abro relacionamentos’’, aconselha.

Jussier Ramalho é o jornaleiro-palestrante.
Suas dicas passam entusiasmo para as equipes de vendas e mostram como fazer diferente para se destacar na multidão.

Artigo


Chegou a hora de os bancos fazerem a sua parte


Roque Pellizzaro Junior - Presidente CNDL



A cada notícia que recebemos por todo o mundo sobre a crise, mais e mais constatamos a importância dos mercados internos, do combate às possibilidades de protecionismo, e da batalha pela manutenção de postos de trabalho. Ou seja, como os mercados externos ficaram inacessíveis, todos se voltam para os públicos internos como alternativa para colocação de produtos e serviços. Mas, sem dúvida, muito poucos países possuem mercados suficientemente grandes para ultrapassar esta fase difícil da economia. E é justamente aí que está nossa maior riqueza e ferramenta.O Brasil é um destes raros países que possui mercado interno suficientemente grande para garantir à nação a necessária tranqüilidade no ultrapassar esta crise. Precisamos nos adequar às realidades contemporâneas para utilizar este mercado, sob pena de não conseguirmos coisa alguma a partir dele.No último ano, o consumo das famílias brasileiras atingiu R$ 1,557 trilhão – 60,87% de todo nosso PIB – e se consolidou como a grande locomotiva de nosso crescimento. A partir de 2004, ano a ano, os brasileiros vêm consumindo mais, baseados na oferta de crédito, prazos mais longos e juros menores; emprego e renda, mais estabilidade e, principalmente, oferta de tudo isto a brasileiros de classes mais ao pé da pirâmide. O mercado foi criado, estimulado e se coloca como nosso mais importante instrumento nesta conjuntura de crise mundial. Mas, como manter este quadro? Como fazer do limão uma limonada? Este passa a ser o grande desafio em nosso país. Governo, empresariado, trabalhadores, sociedade civil, enfim, todos devem voltar seus olhares para questões deste quilate.Alguns desajustados falam em protecionismo. A nosso ver, a pior das decisões. Precisamos, de forma firme e decidida, manter o acesso ao consumo àqueles que, após 2004, vêm sendo a mola propulsora da economia: a classe média, agora mais robusta, fortalecida pela ascensão de pessoas antes excluídas do mercado consumidor. Medidas importantes estão sendo tomadas por parte do governo, a exemplo da redução tributária em setores importantes, como o da construção civil, onde rapidamente devemos ter respostas, e no automobilístico, responsável por uma cadeia produtiva longa e de valores agregados significativos.As medidas de estímulo à economia, recém-anunciadas pelo governo, terão impacto direto nas vendas do varejo. Mas ainda há muito a ser percorrido. O setor bancário necessita rever seu papel e saber que é chegada a hora de fazer a sua parte, efetivamente emprestando e reduzindo o spread bancário. E ao governo é necessária a lucidez de discutir as relações de trabalho. É preciso que se fale que quanto mais difícil é demitir, mais difícil será admitir. Temos que reconhecer que a cada real pago a um trabalhador, mais um real é acrescentado às empresas em encargos. Temos que saber que todos estes custos não são das empresas, em particular, mas sim acrescidos ao valor final dos produtos. Necessitamos, todos, saber que somente ultrapassaremos bem este momento difícil tendo iniciativas novas.

Não percam essa oportunidade!! Feira Franchising Nordeste


A feira tem um grande potencial de geração de negócio e trará oportunidades de investimentos em quase todos os segmentos de franquias disponíveis no país, além de promover encontros entre empresas e realizar seminários com especialistas de destaque regional e nacional. Para facilitar o acesso dos empresários ao local onde se realizará a Franchising Nordeste, a Montte Empreendimentos oferece de forma gratuita para a sua CDL, um ônibus, com 40 lugares, para fazer o transporte dos interessados. Esta é uma oportunidade, visto que a participação na feira também não tem custo algum. Desta forma, a CDL-Recife e a FCDL-PE estimulam a sua participação de empresários do seu município como meio de conhecimento e troca de informações sobre o setor de franquias.







Para obter mais informações sobre as facilidades oferecidas, necessário apenas entrar em contato com a Montte Empreeendimentos para fazer a solicitação, através do telefone(81) 3081.4800/ 3081.4806 (Ana Carolina) / 3081.4810 (Feliciano Ramos). Servio:Feira Franchising NordesteData: 22 a 25/04 Horário: Feira 15h s 21h / Palestras 18h s 20hLocal: Centro de Convenções de Pernambuco. Informações: 3081.4800 ou na sua CDL. Em Santa Cruz do Capibaribe o contato da unidade é: 81- 3731-2850

Turismo de Pernambuco ganha reforço do Governo do Estado


Levar os pernambucanos a viajar pela própria terra, explorando toda a diversidade de climas, paisagens e culturas que existem no Estado. Esta é a principal meta do Pernambuco Conhece Pernambuco, um programa de ação permanente da Secretaria Estadual de Turismo. Para que as cidades pólo possam receber os turistas cada vez melhor, a Setur preparou uma série de atividades, como oficinas, palestras e visitas técnicas com atrações culturais. A Setur não quer apenas promover o turismo interno, mas qualificar os profissionais que já atuam no setor, afinal um turista satisfeito sempre retorna e recomenda o destino a parentes e amigos.Antes de iniciar o projeto, a Secretaria de Turismo discutiu a idéia com toda a sociedade, de maneira democrática e aberta. A idéia, que acabou sendo um consenso, foi explorar as rotas já existentes em Pernambuco e reconhecidas pela Embratur. Segmentos como ecoturismo, turismo de negócios, cultural, rural e de aventura, foram destacados pelo programa. Agências e operadoras de viagens foram envolvidas para reforçar a comercialização das rotas, criando condições especiais para associados do Pró-Lazer, Sesc, Sesi, Clubes da Melhor Idade, estudantes e sindicatos.Para dar visibilidade ao Pernambuco Conhece Pernambuco, a Setur criou uma campanha publicitária especialmente para o programa. Até o final do ano seis grandes eventos serão realizados em todas as micro-regiões do Estado. Outros quatro eventos, durante o primeiro semestre de 2009, completam a programação.Confira as datas, as cidades, consulte seu agente de viagem e venha conhecer um pouco mais de Pernambuco, um estado cheio de encantos e surpresas.


MBA CESAC


segunda-feira, 13 de abril de 2009

Artigo


Da Banca ao Palco, a saga do sucesso.


Por *Jussier Ramalho


Conheça mais um pouco sobre a vida deste homem "Jornaleiro Palestrante" que fez história em Natal/RN.


Sucesso e felicidade aliado à atividade profissional parece fórmula de livros de auto-ajuda. Essa fórmula virou realidade para o jornaleiro Jussier Ramalho, 46 anos. Ele começou no ramo comercial em 1993, quando comprou uma cigarreira, na época onde os donos de Banca ‘‘eram aqueles que não davam pra nada’’. Hoje, Jussier ministra palestras sobre marketing e vendas no Brasil todo. Cobra R$ 2 mil, dinheiro que investe na melhoria de sua Banca ou na qualidade dos equipamentos para as palestras.
A fala fácil de Jussier e as frases de efeito são muitas para uma conversa curta. E explicam muito do sucesso da profissão de vendedor. Aliás, Jussier frisa que esse é o segredo do sucesso: encarar a atividade comercial como profissão especializada. Para isso, explica, o bom vendedor deve focalizar a profissionalização do setor. Como não há universidade e faculdade para vendas, o vende dor precisa se capacitar. ‘‘Ninguém nasce vendedor, jornalista ou médico, e sim, torna-se um’’, ressalta. Para Jussier há uma visão errada das pessoas quanto ao vendedor.
A conseqüência é a de muitos sentirem vergonha da profissão. ‘‘Quando perguntam na escola, a filha responde que o pai trabalha em tal empresa, mas não diz que é vendedor. Se até Jesus Cristo vendeu sua imagem de bom samaritano. Todos somos vendedores: todos nós vendemos serviço, nossa imagem, um estilo, etc’’, afirma. E essa visão equivocada, segundo o jornaleiro, também prejudica as empresas. Jussier explica ser normal o empresário imaginar a função de vendas como de responsabilidade da equipe comercial.
‘‘Todo o sistema é estreitamente responsável. Se recebo antipatia na recepção da empresa, não volto mais lá’’, lembra. A busca pelo trabalho conjunto e profissional levou a Banca Prática a estar hoje entre as primeiras colocadas no ranking de vendas das distribuidoras. A maioria dos clientes, segundo Jussier, é fiel e alguns vêm até de Ponta Negra para comprar na Banca, localizada em Tirol (Avenida Afonso Pena). Ao afirmar que, apesar de todo o cuidado com a ‘‘profissionalização do setor’’ é o bom atendimento o diferencial para o sucesso, ‘‘O vendedor também precisa conhecer bem seu produto. Essa senhora quis comprar uma revista sobre massagens. Mostrei a melhor que temos no assunto e ela comprou sem ver o preço. Não me preocupo em apenas vender, mas também em servir.
É servindo que se ganha a confiança no cliente e fica bom para as duas partes. É assim também que o comerciante estabelece sua marca’’. E simplifica: ‘‘Vender é nada mais do que a arte de conquistar pessoas’’.


*Jussier Ramalho é o jornaleiro-palestrante. Suas dicas passam entusiasmo para as equipes de vendas e mostram como fazer diferente para se destacar na multidão.


Não esqueça amanhã tem a continuação desta história, não perca!