Topo

Topo

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Benefícios em ser sócio da CDL Santa Cruz do Capibaribe

UNOPAR VIRTUAL Logo Vector Download


Unopar: 10% de desconto nas mensalidades para associados e colaboradores da CDL. Convênio firmado no segundo semestre de 2013. Desconto não-cumulativo com outros descontos oferecidos pela Unopar.

Dica SPC Brasil


A prioridade de toda mãe é o filho, para uma empreendedora isso não é diferente! Mesmo uma simples febre pode mudar toda a rotina.
Por isso, é importante manter sua equipe informada e preparada para assumir as tarefas durante os possíveis imprevistos.

64% dos consumidores já se arrependeram por compras que não precisavam, revela Meu Bolso Feliz

Fonte: Ascom CNDL e SPC Brasil

Um detalhamento de uma pesquisa encomendada pelo portal Meu Bolso Feliz e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) para analisar a relação que o brasileiro tem com as finanças pessoais mostra que seis em cada dez consumidores (64,2%) já se arrependeram por ter comprado coisas que não precisavam. Para realizar o estudo os pesquisadores ouviram 656 consumidores de todas as capitais brasileiras.
Na avaliação dos especialistas do SPC Brasil, o fato de as pessoas comprarem itens e se arrependerem depois revela que aquela compra provavelmente foi motivada por impulsos psicológicos de comprar imediatamente, ou seja, involuntária, feita sem pensar e que não foram planejadas e calculadas dentro do orçamento pessoal.
"O ato de comprar pode provocar uma sensação de bem estar, euforia e relaxamento, o que induz os consumidores a agir por impulso em busca desse tipo de recompensa e prazer imediato. Além disso, o bombardeio publicitário e as facilidades do parcelamento dão a impressão de que essas compras não vão abalar o próprio orçamento", explica o educador financeiro do portal Portal Meu Bolso Feliz, José Vignoli.
A pesquisa mostra ainda que o brasileiro declara ser um comprador impulsivo, mas apenas quando está podendo, ou seja, quando está com dinheiro no bolso. 55,7% do total de entrevistados negam que fazem compras por impulso quando querem comprar muito alguma coisa, mas se estão podendo a situação é diferente: seis em cada dez consumidores (60,1%) afirmam que só fazem compras impulsivas, "quando o orçamento permite".
De modo geral, o estudo mostra que 14,7% dos consumidores gastam mais do que o planejado para exibir estilo ou para mostrar a própria personalidade. Além disso, 22,9% parcelam as compras -- mesmo quando o valor é muito alto -- para poder comprar ainda mais.
Na avaliação de José Vignoli, as compras impulsivas podem funcionar como uma válvula de escape para sentimentos como ansiedade e insegurança com a própria identidade. "É tanto que duas em cada dez pessoas [22,8%] entrevistadas concordam que vale a pena fazer uma dívida para comprar uma roupa que as façam sentir especiais e 21% dos ouvidos fazem gastos não planejados somente para se sentirem valorizados", explica. Mas por outro lado, comprar por impulso -- mesmo quando se está com dinheiro -- revela, segundo o especialista, gastos desnecessários, falta de planejamento e desperdício de dinheiro do consumidor, que poderia ser utilizado em itens realmente necessários.
"Aquele dinheiro que está sobrando e que foi usado para comprar algo que talvez o consumidor nunca use pode ser poupado e aplicado para ser usado em uma situação de emergência financeira ou para realizar um sonho a longo prazo", explica.
O orientador convida os impulsivos a fazerem um exercício mental:"pensem 'eu não vou me proibir de comprar, afinal, eu posso, mas não vai ser agora'. Na maioria das vezes, a vontade passa e depois dá até preguiça de voltar para comprar", aconselha.

CDL forma mais uma turma de Empretecos em Santa Cruz do Capibaribe

A CDL Santa Cruz do Capibaribe em parceria com o SEBRAE e com apoio da FADIRE está formando mais uma turma do seminário do EMPRETEC na cidade.

O Seminário EMPRETEC tem o intuito de ajudar aos interessados em desenvolver comportamento empreendedor, e potencial competitivo, se familiarizem e se identifiquem com características empreendedoras presentes nos empresários bem sucedidos.


Santa Cruz do Capibaribe é uma cidade constituída de muitos empreendedores natos. Isso é um fato que desde os anos 40, começou a ganhar destaque face ao desenvolvimento econômico do município, com o surgimento da cultura confeccionista de vestuário. 

Bancários de Pernambuco decidem entrar em greve a partir de terça (30)

Fonte: G1 Pernambuco


Os bancários de Pernambuco decidiram decretar greve por tempo indeterminado em assembleia realizada, na noite desta quinta (25), na sede do sindicato da categoria, no bairro da Boa Vista, Centro do Recife. Eles vão cruzar os braços a partir da 0h da próxima terça (30).

Os trabalhadores reivindicam aumento de 12,5% e piso de R$ 2.979,25, com base no cálculo de salário do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Atualmente, a remuneração inicial de um bancário é de R$ 1.648,12. Os bancos oferecem 7% de aumento e 7,5% de reajuste no piso.

Atualmente, o estado possui 12.000 bancários e 500 agências. “Também queremos melhora participativa nos lucros. Só no primeiro semestre deste ano, os cinco maiores bancos tiveram lucro de R$ 30 bilhões. Ainda estamos negociando questões relativas à saúde e condições de trabalho, além de pedir mais segurança nas agências”, afirmou a presidente do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, Jaqueline Mello.

Ela acrescentou que a categoria volta a se reunir na próxima segunda (29), na sede do sindicato. “Vamos organizar a mobilização e avaliar alguma nova proposta, caso apareça. No entanto, não há rodada de negociação marcada”.

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

CDL Santa Cruz do Capibaribe vai promover Curso de Endomarketing para empresários e comunicação de vendas para colaboradores

Pela primeira vez na história, Santa Cruz do Capibaribe vai receber um curso para dois segmentos ao mesmo tempo. Trata-se de endomarketing para empresários, que nada mais é a forma como as empresas estão se comunicando com os seus colaboradores e comunicação de vendas, voltada para os colaboradores.

O curso será abordado em duas etapas. A primeira delas é provocar os empresários para que eles percebam a forma de como os mesmos se comunicam com seus colaboradores e os impactos que isso gera quando há ruídos na comunicação. Já a segunda fase do curso será voltada para os colaboradores, onde serão abordados tópicos de comunicação de vendas e as facilidades que os profissionais de vendas passam a ter para finalizar uma venda, quando fazem uso da comunicação correta.

O curso será voltado para empresárias de boutiques, através de uma ação da Câmara Setorial de varejistas de vestuário e acessórios de Moda, da CDL Santa Cruz do Capibaribe e será ministrado pelo jornalista e especialista em marketing Betto Aragão, nos dias 13, 14 e 15 de outubro. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas com a Consultora de Eventos da CDL, Sandra Batista. O investimento será de R$ 80 reais para empresas associadas e de R$ 100 para empresas não associadas. Maiores informações (81) 3731-2850.

Comunicado Feriado Dia dos Padroeiros de Santa Cruz do Capibaribe

A CDL de Santa Cruz do Capibaribe comunica a todos os lojistas da cidade que nesta segunda-feira (29), não haverá expediente na CDL, em função do Feriado Municipal, alusivo ao dia dos padroeiros de Santa Cruz do Capibaribe, São Miguel e Senhor Bom Jesus dos Aflitos. A entidade volta a funcionar normalmente na terça-feira (30). Assim, a CDL aproveita para desejar um bom feriado a todos os lojistas e sociedade em geral da Capital das Confecções.

I Fórum Empresarial de Tributação do Polo de Confecções e as Principais Vantagens Competitivas da Legalização‏


O Sistema Fecomércio, Através do Instituto Fecomércio e a ACIC , em Parceria com Sebrae, tem a satisfação de convidar para o I Fórum Empresarial de tributação do Polo de Confecções e as Principais Vantagens Competitivas da Legalização. 
O evento contará com uma palestra da Consultora especializada em tributação internacional Maria Eduarda Simões e o auditor fiscal Leonardo Pernambuco, Abordado Sobre: Formalização X Tributação e Legislação Tributária a favor da MPE, além de uma explanação do Secretario da Micro e Pequena Empresa, Osiris Caldas, sobre as ações da secretaria para o fomento do segmento.
Serviço:
Data:09/10/2014
Local: Tearo Difusora - Shopping Difusora em Caruaru 
Horário:18h às 22h 
Informações e inscrições Tel.: (81)3721-2725 

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Receita reforçará fiscalização de passageiros de voos internacionais em 2015

Fonte: Agência Brasil
Turistas
Os passageiros de voos internacionais que querem evitar problemas com a alfândega precisarão ficar mais atentos a partir do próximo ano. A Receita Federal reforçará a fiscalização de viajantes que chegam ao país, por meio da modernização de sistemas de inteligência e do cruzamento de informações.

No primeiro semestre de 2015, as empresas aéreas serão obrigadas a enviar à Receita Federal e à Polícia Federal os dados de cada ocupante de voo internacional com destino ao Brasil. Informações como número e peso da bagagem, país de origem do voo e duração da viagem serão cruzadas com um banco de dados para identificar passageiros suspeitos, que serão abordados assim que desembarcarem no Brasil.

O subsecretário de Aduana e Relações Internacionais da Receita, Ernani Checcucci, esclareceu que o reforço na fiscalização não tem como objetivo punir o turista comum ou o profissional que vai com frequência para o exterior.

Segundo ele, a Receita pretende punir passageiros que aproveitam viagens internacionais para fazer comércio, transportar valores ilegalmente ou traficar drogas, armas e medicamentos.

“O grande objetivo das medidas é dar tratamento ágil para o passageiro comum, que será dispensado da fiscalização. O turista e o executivo que viajam com frequência, na verdade, terão a chegada facilitada porque a fiscalização se concentrará apenas em quem efetivamente apresenta algum indício de ato ilícito”, destacou.

Além do repasse das informações pelas companhias aéreas, o reforço na fiscalização envolverá o reconhecimento facial dos suspeitos. No desembarque, um sistema biométrico comparará o rosto dos passageiros selecionados para inspeção com a foto do passaporte. Automaticamente, o suspeito será encaminhado para prestar esclarecimentos.

O cruzamento das informações das companhias aéreas começará em janeiro para todos os voos internacionais. O reconhecimento facial, no entanto, será implementado gradualmente nos aeroportos até o fim do primeiro semestre do próximo ano. De acordo com a Receita, a modernização do banco de dados dos passageiros e a elaboração do sistema de reconhecimento facial custaram R$ 15 milhões em investimentos.

Segundo Checcucci, o reforço na fiscalização não tem o objetivo de melhorar a arrecadação federal, mas de proteger a indústria e o emprego nacional. “A atividade aduaneira não é arrecadatória, mas regulatória. Quem volta do exterior para fazer comércio cria uma competição desleal com quem trabalha e produz no país”, acrescentou.

O subsecretário reforçou que quem cumpre os limites de importação não será abordado pela alfândega no novo sistema de fiscalização. Os passageiros de voos internacionais podem trazer até US$ 500 por pessoa em mercadorias importadas, sendo que itens como celular, câmera fotográfica e computador de uso pessoal estão fora da cota.

Fórum de Debates será realizado em Caruaru


Desemprego tem a menor taxa para agosto desde 2002, diz IBGE

Fonte: G1 - Portal de Notícias da Globo

Em agosto, a taxa de desemprego ficou em 5% no conjunto das seis regiões metropolitanas, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Por três meses, a pesquisa foi divulgada de forma incompleta em consequência da greve de servidores, que durou 77 dias. Nesse período, de maio a julho, ficaram de fora as regiões metropolitanas de Salvador e Porto Alegre.


De acordo com o instituto, a taxa foi a menor para um mês de agosto desde março de 2002. Também foram conhecidos os índices de desemprego das pesquisas referentes aos meses afetados pela greve. Em julho, a desocupação ficou em 4,9%; em junho, em 4,8% e, em maio, em 4,9%.

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Queixas contra roubo, furto, extravio de objetos e acidentes de trânsito sem vítimas podem ser feitas na delegacia on line

A Secretaria de Defesa Social (SDS) de Pernambuco vem expandindo seus serviços e disponibiliza serviços de queixa na delegacia on line. Queixas do tipo roubo, furto, extravio de objetos e acidentes de trânsito sem vítimas podem ser registrado o Boletim de Ocorrência, sendo que em caso de acidentes de trânsito só podem ser registrados colisões ou abalroamento entre veículos automotores, desde que não hajam vítimas.

Portanto, é de suma importância que as pessoas registrem as ocorrências, pois são com esses dados que a SDS trabalha. A solicitação de registro de uma ocorrência somente poderá ser feita:


1 - Pessoa Física: Pela pessoa vítima maior de 18 anos ou responsável denominado Noticiante.
2 - Pessoa Jurídica: por um responsável e maior de 18 anos, denominado Representante. 
Na Delegacia pela Internet só podem ser registradas ocorrências com apenas uma vítima. Nos demais casos dirigir-se a uma Delegacia mais próxima.

Comércio deve vender menos no Dia das Crianças, preveem CNDL e SPC Brasil

Fonte: Ascom CNDL e SPC Brasil


Os comerciantes estão menos confiantes com as vendas para o Dia das Crianças, comemorado no próximo dia 12 de outubro.  Segundo projeção da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), o volume de vendas a prazo deve registrar crescimento de apenas 1,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Se a projeção dos lojistas se confirmar será o resultado mais fraco dos últimos cinco anos para o varejo. Desde 2010 o setor vem desacelerando o seu ritmo de crescimento. Nos anos anteriores, as expansões foram de 3,15% (2013), 4,83% (2012), 5,91% (2011) e de 8,5% (2010).

Em 2014, todas as datas comemorativas (com exceção da Páscoa), como Dia das Mães, Dia dos Namorados e Dia dos Pais, também apresentaram um desempenho inferior se comparado ao ano passado.  As quedas foram de 3,55%, 8,63% e de 5,09%, respectivamente. 


Cenário menos otimista

Com a manutenção dos juros em patamares elevados e a alta da inflação, que corrói o poder de compra do trabalhador, a CNDL estima que as compras a vista e de valores menores devem ganhar mais espaço no Dia das Crianças deste ano. "Os consumidores estão mais preocupados em não comprometer o próprio orçamento com compras parceladas. Aqueles que optarem pelas compras a prazo vão dividi-las em menos prestações", comenta Roque Pellizzaro Junior, presidente da CNDL.

De acordo com Pellizzaro Junior, o varejo já não conta com os mesmos fatores macroeconômicos que ajudaram a aquecer o setor nos anos anteriores, como os altos índices de geração de emprego, expansão da renda, incentivos fiscais e a larga oferta de crédito mais barato. "Se nos anos anteriores a criança ganhou dois ou três brinquedos, neste ano a tendência é de que ganhe menos presentes", afirma.

Empresa de Santa Cruz do Capibaribe comemora Dia da Árvore com seus colaboradores e colabora com a Sementeira Pública do município

Em razão da chegada da primavera, foi institucionalizado o Dia da Árvore, que comemora-se no dia 21 de setembro, exatamente o dia em que a estação das flores começa a valer no calendário. Para comemorar esta data, a empresa Camboriú, de Santa Cruz do Capibaribe uniu os colaboradores e parte da gestão para festejar o Dia da Árvore.

Com uma visão de que é preciso reconstruir e preservar o meio ambiente, a Camboriú que, mensalmente, promove um evento com seus colaboradores, aproveitou a data para unir o útil ao agradável. De acordo com a analista de Gestão de Pessoas, Gabriela Pessoa, tudo aconteceu em parceria com os colaboradores da empresa. “Primeiro entrei em contato com a sementeira pública pra saber como eu  faria pra adquirir as mudas, então depois das informações, vi com os  colaboradores quem gostaria de ganhar uma muda de árvore e quem  tivesse esse interesse traria uma garrafa peti e trocaria por uma muda,  25 pessoas aderiram a ideia das mudas”, explicou Pessoa.


Quanto ao evento que a empresa realiza, 32 colaboradores participaram, onde foi ministrada uma palestra pelo técnico de segurança do trabalho do SESI Caruaru, Davi Victor. Em meio ao evento, a empresa fez a distribuição das mudas aos colaboradores participantes da ação.


Sobre essa ação, Gabriela enfatizou que é de suma importância para integrar os colaboradores em prol da união da equipe. “É essencial um evento desse tipo, pois serve principalmente para conscientizar os colaboradores de assuntos que não estão relacionados diretamente ao trabalho desenvolvido por cada um e sim, algo maior que afeta diretamente nossas vidas”, concluiu.


terça-feira, 23 de setembro de 2014

Agência do Trabalho de Santa Cruz do Capibaribe oferece vagas de emprego nesta terça-feira (23)

A Agência do Trabalho fica na Rua Capitão Pedrosa, 306, Bairro São Cristóvão, CEP: 55190-000, Santa Cruz do Capibaribe - PE. Horário de Atendimento: Segunda a Sexta, 7h 30 as 17h 30. Fone: 3759-8235


Comunicado Feriado Dia dos Padroeiros de Santa Cruz do Capibaribe

O Sindicato das Empresas do Comercio de Bens e Serviços de Santa Cruz do Capibaribe (Sindilojas) informam a todos os empresários que, no dia 29 de setembro, próxima segunda-feira, é feriado municipal, alusivo ao dia dos padroeiros de Santa Cruz do Capibaribe, São Miguel e Senhor Bom Jesus dos Aflitos. O Sindilojas informa ainda que, caso o empresário deseje abrir a loja deverá fazer o acordo coletivo de trabalho. Basta se dirigir até a sede do sindilojas, que funciona na CDL para solicitar autorização de funcionamento até quinta-feira (25).

Para funcionar neste dia, o empresário precisa fazer solicitação junto ao Sindiloja, através de depósito da taxa da contribuição sindical e preenchimento do requerimento.

Para ver as informações completas e baixar o requerimento para preencher, clique aqui!

Quanto as informações sobre a contribuição sindical, que deverá ser paga até o dia 30 de setembro, o lojista pode visualizar clicando aqui!

Mais informações: (81) 3731-2850


Número de empresas inadimplentes no país cresce 7,11%

Por: Roque Pellizzaro Jr.


As empresas brasileiras estão com mais dificuldades para pagar suas contas. Segundo o novo indicador SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) de inadimplência da Pessoa Jurídica, a quantidade de empresas com dívidas em atraso cresceu 7,11% no mês de julho, na comparação com o mesmo período do ano passado. Apesar da leve desaceleração em relação à alta de junho (7,80%), este é o quarto mês seguido em que o crescimento se mantém acima de 7%. Já na passagem de junho para julho, os dados do mostram que houve uma ligeira aceleração e o crescimento ficou em 0,37%.

Acredito que o atual cenário de estagnação da economia e os custos maiores impactaram o fluxo de caixa das empresas. É que o aumento do custo dos financiamentos com juros elevados, inflação no limite da meta e o ambiente de baixa atividade econômica estão impondo dificuldades à situação financeira das empresas. Além disso, a piora da confiança do consumidor e o crescimento da inadimplência da pessoa física são fatores que influenciam.

O levantamento também mostra que a alta do número de dívidas em atraso, que ficou em 6,17% na base anual de comparação, foi puxada principalmente pelo crescimento de compromissos financeiros atrasados em que o comércio é o setor credor. O segmento respondeu por 1,8 pontos percentuais da alta total, mesma contribuição do setor de bancos e pouco à frente da indústria, que contribuiu com 1,3 pontos percentuais do crescimento global das dívidas em atraso.

Vendo esses dados acredito que o levantamento de julho mostra que as empresas estão com dificuldades para pagar seus compromissos financeiros no curto prazo. Exemplo disso é que na análise das empresas com dívidas pendentes por tempo de atraso, vemos uma perda de fôlego das dívidas atrasadas em até 90 dias. Em junho, o crescimento desta faixa de atraso estava em 17,45% e desacelerou para uma alta de 8,23% em julho. Por outro lado, as empresas com dividas em atraso de 91 a 180 dias foram as que mais crescerem na comparação anual: partindo de um crescimento de 10,37% em junho para 11,07 em julho. O movimento do indicador mostra que as dívidas estão se mantendo na base de compromissos em atraso, passando da categoria de até 90 dias para a categoria de 90 a 180 dias.

* Roque Pellizzaro Junior | Presidente da CNDL 

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Começa mais uma turma do Empretec na CDL Santa Cruz do Capibaribe

Teve início nesta segunda-feira (22), em Santa Cruz do Capibaribe, mais uma turma do Empretec, seminário avançado oferecido pelo Sebrae que busca desenvolver características empreendedoras de sucesso em seus participantes. A turma oferecida na Capital das Confeccções é voltada para empreendedores que já mantém um negócio próprio ou atuam na área comercial.

Os participantes da turma já são empreendedores e, alguns, têm pretensão de montar seu próprio negócio ou já atuam na área de gestão. Durante uma semana, os participantes estarão envolvidos em atividades teóricas e práticas, trabalhos e dinâmicas em grupo de envolvimento intenso, para testar e potencializar o comportamento empreendedor de cada um deles.


Este é mais um seminário realizado pela unidade do Sebrae em parceria com a CDL Santa Cruz do Capibaribe. As turmas anteriores, assim como essa, contou com uma boa participação da classe empresarial do município e cidades do Polo deConfecções.

Como não se endividar com os jogos virtuais

Fonte: Ascom CNDL e SPC Brasil

Candy Crush Saga, Farmiville, SongPop, Angry Birds, Instaframes, Iphoto... Estes são apenas alguns joguinhos e aplicativos virtuais divertidíssimos que nos ajudam a passar o tempo ou organizar as imagens em nosso celular. O que mais eles têm em comum? Como a maioria dos games, é possível utilizá-los gratuitamente até enquanto durarem suas vidas ou artifícios limitados.

A partir daí, quem quiser continuar conectado precisará desembolsar um determinado valor para garantir mais recursos ou chances de jogar. Nesse momento, será preciso escolher entre aguardar o tempo de liberação de novas oportunidades para seguir adiante ou... colocar seu dinheiro em algo supérfluo e desnecessário. E, pior, acabar se endividando com essa brincadeira toda. No entanto, calma: você não precisa correr desesperadamente para deletar os ícones de diversão do seu celular. Mas pode, sim, aprender a curtir virtualmente, mas com cautela.

Os economistas e educadores do SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e do portal de educação financeira, 'Meu Bolso Feliz' prepararam oito táticas para você se divertir no mundo virtual sem se endividar na vida real:

1- Existem jogos e aplicativos, mesmo entre os considerados 'gratuitos', articulados para manter os consumidores vidrados e, claro, faturar com isso. Não à toa, eles têm aumento gradual de complexidade e, em determinado momento, o nível de dificuldade cresce drasticamente. Isso ocorre para tornar quase impossível ultrapassar etapas sem fazer um investimento. Fuja desse modelo de brincadeira, pois ele vai te fazer gastar, e possivelmente mais do que pode.

2- Não permita que o mundo virtual se sobreponha à realidade. De tanto jogar, você passa a considerar frutas, doces e cristais do game como algo valioso para o cumprimento de tarefas. Então, quando cobram um determinado valor por um conjunto desses apetrechos para ultrapassar uma fase complicada, você enxerga a quantia como irrisória pela conquista que será alcançada. Lembre-se: qualquer que seja a oferta de um jogo, ela nunca é barata o suficiente para ser paga com dinheiro de verdade.

3- Atente-se à facilidade de compra online. O educador financeiro do site Meu Bolso Feliz, José Vignoli, alerta: "É preciso tomar cuidado com as informações do cartão de crédito, pois muitas vezes, ficam salvas na internet". Dessa maneira, com apenas um clique, você faz mais uma compra. Essa ação é perigosa e, na maior dos casos, faz o usuário gastar mais e sem perceber. Muitas vezes, os gastos são cobrados em dólar e ainda incluem o IOF, ou seja, você vai gastar muito mais do que imagina.

4- Para quem tem Iphone, se um jogo ou aplicativo pedir sua senha da Apple, redobre os cuidados. Em geral, digitar essa senha costuma autorizar o pagamento de alguma compra.

5- Crie um hábito: verifique sempre o saldo bancário antes de gastar com jogos e se pergunte se pode - e precisa - colocar seu dinheiro nisso.

6- Ligue o alerta em relação às reais intenções dos jogos. Muitos, por serem gratuitos,  trazem uma falsa sensação de que não há mau nenhum em jogar. Assim, eles usam a necessidade do usuário de passar de fase e conquistar vidas para começar, aos poucos, a ganhar dinheiro com isso.

7- Quando um grupo de pessoas costuma se divertir com os mesmos jogos e aplicativos, pode surgir competição entre os integrantes. Esse comportamento leva muita gente a colocar mais dinheiro para completar as fases e ter recursos mais rapidamente do que os outros. Assim, claro, o jogador poderá se exibir na rodinha de amigos. Será mesmo que essa brincadeira ficará tão divertida quando a contar chegar? Pense nisso!

8- Para evitar a tentação, procure pela opção 'Ajustes' de seu celular e desabilite a função 'Compras em Aplicativos' ou algo que seja similar a isso. Dessa forma, você precisará de tempo para desabilitar essa função antes de fazer uma compra. Use esse período para refletir se vale mesmo à pena torrar seu dinheiro com isso.

"Usava todo o dinheiro que tinha para jogar"

Infelizmente, o estudante de administração Douglas Markus não teve acesso às lições acima antes de se endividar -e se viciar - em brincadeiras virtuais. Aos 14 anos nasceu o hábito de gastar com jogos durante uma competição entre amigos em Lan Houses (loja que dispunha de computadores para acesso à internet mediante pagamento pelo tempo utilizado). Em pouco tempo, ele já torrava toda a mesada nessa atividade. "Eram mais de R$100 por mês. Não importava mais qual era o jogo, eu precisava estar conectado e investia nisso. Eu já não saía mais com meus amigos e nem com a minha namorada porque usava todo o dinheiro que tinha para jogar", conta.

Por sorte, o rapaz não se endividou. Mas Douglas reconheceu que precisava de ajuda e tomou uma medida radical: "Exclui todos os jogos do celular, pedi para o meu pai tirar a TV do meu quarto, cortar a internet e decidi procurar um psicólogo. Hoje administro muito melhor o que ganho e não sinto falta da minha antiga vida".

Além da dívida, o vício

Uma pesquisa feita pela empresa norte-americana Think Gaming, revelou que são gastos, por dia, quase 900 mil dólares (quase 2 milhões de Reais) em games gratuitos. Esse dado ressalta o que a psicóloga e terapeuta familiar, Cássia Rodrigues explica: "Os jogos viciam porque ativam no cérebro uma substância química chamada dopamina, que da a sensação de prazer". O primeiro passo para se livrar disso? "É necessário entender porque ela se apegou àquela prática e como passou a ocupar tanto espaço na sua vida. Só assim, e com muita força de vontade, é possível se desconectar", ensina a profissional.

Para não cair nessa armadilha, observe suas atitudes no dia a dia e na maneira como encara esse tipo de diversão. Do vício para o endividamento é um salto rápido. Algumas atitudes mostram quando alguém ultrapassou o limite da curtição virtual saudável. Descubra quais são elas:

 O game se transforma na atividade mais importante da vida da pessoa.
- Jogar torna-se uma necessidade.
- A vida social se torna desinteressante comparada ao prazer proporcionado pelos games.
- No caso dos adolescentes, o rendimento escolar começa a cair.
- A pessoa gasta dinheiro para vencer o jogo ou ganhar vidas.
- Arrisca sem se importar com a possibilidade de ficar inadimplente, ou seja, não se preocupa se vai gastar mais do que pode.
-  "Só mais essa vez não vai fazer diferença", é o pensamento de quem não consegue parar de jogar. 


Jornalista Arnaldo Jabor falou sobre as Perspectivas para o Brasil

Aplaudido de pé, o jornalista e cineasta Arnaldo Jabor subiu o palco da Arena Sauípe para fechar o último dia de trabalhos técnicos da 54ª Convenção Nacional do Comércio Lojista. Sobre o tema “Perspectivas para o Brasil”, Jabor iniciou a sua fala dizendo que o Brasil é um país que nos coloca o tempo inteiro em uma situação de expectativa . “É um país em que a gente não sabe o que vai acontecer. As coisas sempre parecem que vão melhorar, mas não melhoram. A modernização se aproxima, mas o atraso nos governa”, disse.

Ao falar sobre Perspectivas para o Brasil, o jornalista e cineasta Arnaldo Jabor explicou o atraso brasileiro pelo patrimonialismo, herdado pelos portugueses. “Patrimonialismo é quando não existe distinção entre o que é público e o que é privado. No patrimonialismo, o Estado pensa que a sociedade existe em função dele. É  preciso curar esse vício no Brasil. É o que explica a corrupção: o dinheiro não é de ninguém, então rouba-se”, defendeu.

Após falar das estruturas de atraso do Brasil, Arnaldo Jabor explicou por que, na sua concepção,  o Brasil está em direção a modernização. “Nós babávamos na gravata 30 anos atrás. Estamos nos tornando opinativos e estamos mais cientes de como se faz a gerência de uma sociedade. A revolução digital mudou tudo e a globalização da economia mundial nos colocou no mundo”, analisou.

sábado, 20 de setembro de 2014

Como transformar consumidores em propagadores é tema de palestra de Hugo Rodrigues


Hugo Rodrigues argumentou que os consumidores se tornaram mais exigentes e que é preciso adaptar-se o tempo inteiro. “95 milhões de brasileiros estão insatisfeitos com o atendimento das marcas. Estamos vivendo um momento de ouvir mais, numa era em que a única certeza é a mudança. Quantas vezes nos reinventamos nos últimos 7 anos? “, questionou.

Rodrigues então defendeu a importância de fidelizar os clientes para que este faça a propaganda da sua marca nas suas redes sociais, por exemplo: “Atenda uma pessoa bem e atinja novos clientes de graça”.


Durante sua fala, Hugo Rodrigues explicou a mudança de comportamento do consumidor. 
“O consumidor não é mais caça, ele é caçador. E ele quer novidade. É por isso que o iPhone está na oitava geração”, argumentou. Com esse argumento, ele ainda explicou que as marcas precisam entender, respeitar verdadeiramente o consumidor e aproveitar as ondas. “É a nova classe média brasileira que está colocando na nossa economia mais de 1 trilhão de reais”, finalizou.

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Número de dívidas renegociadas cai 1,66% em agosto, mostra indicador do SPC Brasil

Fonte: Ascom CNDL e SPC Brasil

O volume de dívidas regularizadas, calculado a partir das exclusões dos registros de inadimplência do banco de dados do SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e da CNDL (Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas) recuou 1,66% em agosto de 2014, frente ao mesmo mês do ano passado. A retração observada no último mês veio após uma leve alta de 0,97% verificada em julho. Nos oito primeiros meses deste ano, o indicador apresentou cinco quedas na base anual de comparação.


A economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, explica que o recuo do indicador de recuperação de crédito, analisado em conjunto com a inadimplência em trajetória de alta, indica uma deterioração da capacidade de pagamento do consumidor brasileiro. "Os indicadores refletem as condições menos favoráveis da atividade econômica tanto para o consumo quanto para a quitação de dívidas. Este cenário é impactado negativamente pela manutenção dos juros e da inflação em patamares elevados e pelo enfraquecimento do mercado de trabalho", afirmou.

Em relação a julho de 2014, a retração na recuperação de crédito foi mais expressiva, de 2,92%. Já no acumulado do ano, o número de consumidores que saldaram suas dívidas em atraso e voltaram a ter crédito no mercado apresentou uma contração de 1,06%.

Na avaliação dos economistas do SPC Brasil, o encolhimento do número de consumidores que têm pagado suas dívidas é um sinal de que a recuperação de crédito - que tradicionalmente cresce nos últimos meses do ano para que o consumidor se veja livre de dívidas para as compras de Natal e contas de início de ano - deve encontrar um ambiente menos propício e apresentar resultados menos expressivos do que os de 2013.

Assessores de Comunicação do Movimento Lojista participam de 9º Encontro Nacional de Comunicação

A Gerente de Marketing do SPC Brasil, Kátia Bertolozzi, comanda nesta tarde o 9º Encontro Nacional de Comunicação do Movimento Lojista. Entre os temas, o manual das marcas das CDL e sua importância para a unidade do movimento lojista.


Assessores de CDLs, Federações e executivos de entidades participaram do momento com os assessores de comunicação do movimento lojista nacional, onde foi exposto a importância de alinhar a comunicação entre todas as CDLs. A Gerente de Marketing do SPC Brasil, Kátia Bertolozzi, colocou-se a disposição de todos para tirar dúvidas e enfatizou a necessidade de todas as entidades possuírem canais de comunicação efetivos com os seus associados e comunidade em geral.

Renato Benhoeft palestrou sobre Sucessão Familiar



Renato Benhoeft é o terceiro palestrante deste primeiro dia de atividades da 54ª Convenção. Após classificar os tipos de empresas familiares, Benhoeft falou de alternativas para a continuidade da empresa e da importância dos donos deixarem a empresa ser continuada. “A empresa é uma criatura que você criou e que será maior que você. Então, é preciso entender o momento em que você precisa soltar a criatura”, defendeu.

Comitiva de Pernambuco participa da 54ª Convenção Nacional do Comércio Lojista

Compondo a comitiva da 54ª Convenção Nacional do Comércio Lojista, o presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Pernambuco - FCDL – PE, Adjar Soares, representou o movimento lojista de Estado, juntamente a cerca de 170 pessoas que são da delegação de Pernambuco e marcam presença no evento.

A cerimônia foi iniciada com a entrada das bandeiras, onde cada FCDL entrou com a bandeira do seu respectivo estado. As palestras giram em torno da situação econômica no país, assim como também da questão empresarial e cases de sucesso.


“A abertura da convenção representou o atual momento do nosso movimento. O auditório lotado, com lojistas de todo o país, em um clima de união e confraternização”, destacou Adjar Soares.

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Membros da CDL Santa Cruz do Capibaribe discutem LDO com os vereadores e outras entidades do município

Fonte: Blog do Ney Lima

Na manhã de ontem (17), a Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe promoveu mais uma audiência pública.

O objetivo foi discutir, juntamente com entidades comerciais, associações e sindicatos do município, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o ano de 2015.

Entre as 14 entidades que enviaram representantes, estiveram presentes a CDL Santa Cruz do Capibaribe, o Conselho Tutelar, a Associação de Moradores do Polis Pacas, as Secretarias de Defesa Social e Mobilidade Urbana e Educação, além do Sindicato dos Professores Municipais (Sinduprom).
.
.
A LDO tem como principal finalidade orientar a elaboração de orçamentos fiscais e da seguridade social, além de investimentos feitos pelo Poder Público, incluindo-se também as despesas para o exercício financeiro do ano seguinte.

De acordo com o presidente da Comissão, o vereador Afrânio Marques (PDT), a discussão da LDO é de grande importância, já que ela faz parte do conjunto de três leis que mantém o município em funcionamento.

Entre essas leis estão o Plano Plurianual (PPA), que destina orçamentos previstos para três anos de governo e um do ano seguinte e se concretizam com a Lei Orçamentária Anual (LOA), que diz como serão destinados os recursos em áreas como saúde, educação, segurança pública, infraestrutura e pagamento de pessoal no ano seguinte.

Outra audiência pública, dessa vez para discussão da LOA, será realizada no mês de outubro, ainda sem data definida.

Governador da Bahia dá as boas vindas a todos os lojistas e fala do processo de descentralização do comércio na Bahia

O governador da Bahia Jaques Wagner esteve presente no primeiro dia de palestras da 54ª Convenção do Comércio Lojista e afirmou que fez questão de trazer o evento para a Bahia, a maior economia em nível de Nordeste, após 20 anos. Wagner falou também da relação como presidente da FCDL Bahia, Antoine Tawil, ao longe de 8 anos de governo.


“Me orgulho muito de ter tido uma relação muito parceira, muito respeitosa com a FCDL Bahia e de ter dado o apoio necessário na Liquida Salvador, Liquida Interior e Liquida Bahia para facilitar o esforço para ampliar as vendas”, afirmou.

Para o governador, ao menos na Bahia, há mais empregos no interior, fruto da economia do comércio. “Há hoje um processo de descentralização do comércio na Bahia”
O governador finalizou a sua fala desejando um ótimo evento aos participantes.

14º Encontro Nacional da CDL Jovem discute formação de lideranças

foto-4
O 14º Encontro Nacional da CDL Jovem fez parte da programação do segundo dia de palestras 54ª Convenção Nacional do Comércio Lojista.

O encontro começou com um pronunciamento do presidente da CNDL, Roque Pelizzaro Júnior, que defendeu a autonomia para os jovens para a formação de lideranças.

Em seguida, o presidente nacional da CDL Jovem, Geovane Teles, começou o encontro, o qual classificou como uma reunião informal. Inovação, preparação de lideranças e construção de um novo modelo de negócios no Brasil foram alguns dos temas discutidos.

Neste momento, diretores da CDL Jovem de Santa Cruz do Capibaribe estão participando do importante evento, pois são jovens que, certamente, serão lideranças no futuro.








“NÃO HÁ ALGUMA RAZÃO PARA DESISTIR DO BRASIL”, AFIRMA MAILSON DA NÓBREGA

IMG_6740
Após analisar cenário eleitoral brasileiro, o economista e ex-ministro da Fazenda, Mailson da Nóbrega, afirmou que o Brasil não irá retroceder. Para Nóbrega, não há alguma razão para desistir do Brasil, já que, apesar dos problemas atuais, a economia tem bases suficientes para manter o país no rumo.

MÁRIO PONCI CONTA COMO A CHILI BEANS TORNOU-SE UMA EMPRESA DE SUCESSO

Mário Ponci, a frente do departamento de Expansão e Marketing da Chilli Beans, apresentou a forma como aceitou trabalhar na expansão da rede de franquias por apenas 500 reais. O negócio começou com dois quiosques em Fevereiro de 2001 e hoje já conta com mais de 170 unidades, entre lojas e quiosques.

IMG_6741

Em sua palestra “Chili Beans: Um Case de Sucesso”, Mário Ponci dividiu alguns conceitos que considera fundamentais. Um deles foi entender o seu público, o alternativo, a partir dos vendedores. “A Chili Beans é uma empresa sem preconceitos. Começamos a aceitar as pessoas como elas são”. Assim, um vendedor da Chili Beans não precisa esconder suas tatuagens, por exemplo. Segundo Ponci, isso deu tao certo que ele recebe hoje cerca de dez currículos por semana.

Teve início a 54ª Convenção Nacional do Comércio Lojista em Costa do Sauípe-BA


Líderes do movimento lojista brasileiros estão reunidos em um dos maiores eventos do segmento. É que começou nesta quarta-feira (17), a 54ª Convenção Nacional do Comércio Lojista, que acontece na Costa do Sauípe – BA. Os empresários estão apostos para conhecer os caminhos que norteiam a economia, as estratégias de negócios colocadas em prática por empresas de renome nacional e o marketing utilizado pelas mesmas. Tudo isso e muito mais será visto por mais de 5 mil empresários de todo Brasil, que tem neste evento, um fomento e troca de experiências no mundo dos seus negócios.

A abertura do evento contou com um auditório lotado, onde já foram apresentadas as cidades sedes para o evento do ano que vem, e o Espírito Santo é uma delas, forte candidata concorrente. O presidente da Confederação Nacional do Comércio Lojista – CNDL, Roque Pellizzaro Junior, abriu o evento e se mostrou muito emocionado pelos seus sete anos a frente da entidade.



Santa Cruz do Capibaribe se faz presente no evento, através da representatividade da presidente da CDL Jovem, Laiane Nobélia, juntamente a outros diretores como João Isidório, Paulo Sérgio e Diana Santana. Um evento que promete e a CDL traz tudo em primeira mão para os associados da CDL da Capital das Confecções.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Benefícios para Sócios da CDL Santa Cruz do Capibaribe



A UNIMED possibilita descontos para associados da CDL Santa Cruz do Capibaribe, para isso é preciso entrar em contato com os consultores comerciais da UNIMED e apresentar sua declaração de sócio e requerer o desconto especial, além de atendimento personalizado e conforto.

Feira do Empreendedor vai acontecer em Recife

Abrir o primeiro negócio. Ampliar o que já está dando certo. Descobrir novas ferramentas para vender mais e melhor. Inovar. Conhecer novas oportunidades no Estado de Pernambuco.

É o que a Feira do Empreendedor 2014 vai oferecer a você, que deseja empreender. São mais de trezentas atividades gratuitas, em 4 dias de evento, com palestras, seminários, oficinas, mostra de oportunidades de investimentos, atendimento personalizado, tecnologia e inovação, orientação para microempreendedor individual e outras ações fundamentais, como a inserção da inovação na gestão das micro e pequenas empresas, setor que representa cerca de 98% das empresas de Pernambuco.

O Sebrae transforma o Centro de Convenções de Pernambuco no centro de negócios e de empreendedorismo do Estado.

A CDL Santa Cruz do Capibaribe vai realizar caravana. Se você deseja participar, entre em contato com a CDL, através do telefone (81) 3731-2850.

Antes, é preciso se inscrever. Faça aqui a sua inscrição!